Prefeitura recupera acesso ao Porto Limoeiro e atende comunidade da Vila Mamona

A Prefeitura de Corumbá está concluindo os serviços de recuperação e manutenção da Rua Mato Grosso, prolongamento da Cuiabá, que dá acesso ao Porto Limoeiro, localizado às margens do Rio Paraguai, na Vila Mamona. Além disso, para melhorar as condições tráfego, o Município está também fazendo serviços de limpeza de todo o trecho.

 

As obras foram iniciadas esta semana e seguem uma orientação do prefeito Paulo Duarte que esteve reunido com a comunidade e com empresários da região. Na oportunidade o Chefe do Executivo anunciou os serviços emergenciais e adiantou que a Prefeitura pretende pavimentar todo o trecho, da Albuquerque até à região do Porto Limoeiro e do areeiro existente no local.

 

O projeto já está em fase de análise nos órgãos competentes e a proposta é implantar nesse trecho de quase 500 metros, um tipo de pavimento rígido, a base de cimento, devido ao trânsito de veículos pesados utilizados para o transporte de areia.

 

Além de atender o areeiro, a Prefeitura vai também beneficiar toda a comunidade da região da Vila Mamona que terá uma rua em melhores condições de tráfego. Outra questão levantada por Duarte é que a Rua Mato Grosso é o principal acesso ao Porto Limoeiro e a recuperação vai atender também os turistas.

 

“Enquanto aguardamos a aprovação do projeto para pavimentação, vamos realizar este serviço de recuperação e manutenção da rua, com limpeza e até drenagem superficial para escoamento de água de chuva”, disse o prefeito já orientando sua equipe a realizar a obra necessária.

 

Na manhã dessa sexta-feira, 10, o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, engenheiro Gerson da Costa Melo, acompanhou os serviços e destacou que a conclusão acontece até o final do dia. “A rua estava em condições precárias de tráfego, devido aos danos causados pelas chuvas. Tudo foi recuperado, conforme a orientação que recebemos do prefeito, inclusive com a implantação dessa drenagem superficial para escoamento de água, evitando surgimento de erosões, como estava ocorrendo”, explicou.