Novos aparelhos representam ganho no tratamento fisioterápico na cidade

A Prefeitura de Corumbá está ampliando os serviços na área de saúde pública. Depois de melhorar as condições de atendimento, com mudança de prédio, a Clínica de Fisioterapia acaba de receber novos equipamentos que já estão refletindo de forma positiva no tratamento dos 120 pacientes da unidade localizada no Complexo da Saúde, na Rua América, entre a Tiradentes e Ladário.

 

Os novos equipamentos já estão sendo instalados pela Secretaria de Saúde na Clínica. Parte dos aparelhos, inclusive, já fazem parte do tratamento diário de alguns pacientes, conforme afirma a coordenadora Cintia Urquisa de Carvalho. Ela, inclusive, prevê aumento no número de pessoas atendidas a partir de agora.

 

Os novos aparelhos adquiridos pela Prefeitura foram dois adipômetros, dois aparelhos infravermelho, duas balanças antropométricas, duas balanças digitais, três cadeiras de roda, três cadeiras quick massage, duas esteiras ergométricas, quatro estimuladores transcutâneos e duas rodas de ombro, além da aquisição da bandagem para estimulação neuromuscular.

 

“Esses equipamentos vão possibilitar aumentar o atendimento. Hoje estamos com 120 pacientes, em dois turnos e com cinco fisioterapeutas trabalhando. Com os novos equipamentos vamos poder atender a grande demanda que temos e, quem sabe, poderemos criar um terceiro turno”, previu Cintia.

 

A fisioterapeuta afirma que o atendimento já estava diferenciado após a montagem da estrutura no Complexo da Saúde. “No novo prédio e com esses novos aparelhos, vai ficar melhor ainda. Vamos poder colocar em prática os projetos que temos, como a criação de um grupo terapêutico, aumentando os exercícios duas ou três vezes, tudo isso seguido de reuniões de grupos com os pacientes, para uma troca de experiência”.

 

A fisioterapeuta afirma que dessa forma, com as reuniões de grupo, será possível estimular os pacientes “para que eles possam falar das suas melhoras, uma vez que as melhoras são lentas e muitos acabam desanimando. Por isso acreditamos que essas trocas de experiência possam nos ajudar”.

 

Outro ganho é que com os equipamentos, o tratamento ganhará um complemento. Antes era limitado. “Agora teremos um complemento no tratamento realizado aqui”, explicou.

 

A nova estrutura recebeu elogios também da biomédica e administradora de uma empresa especializada em serviços de higienização na área da saúde, Eliana Bimbato Borges de Oliveira. Natural de São Paulo e morando em Campo Grande nos últimos 10 anos (hoje ele reside em Corumbá), Eliana elogiou a estrutura da Clínica.

 

“Muitas clínicas particulares não contam com os aparelhos e equipamentos instalados aqui, principalmente aquelas que atendem convênios. Esta clínica esta muito bem equipada. Vi isto logo que entrei aqui pela primeira vez”, afirmou.