“Culto Rosa” marca ação solidária na luta contra o câncer de mama

A luta contra o câncer de mama tem ganhado cada vez mais espaço na cidade pantaneira. Na noite de ontem, 19, a Primeira Igreja Batista de Corumbá mostrou que também apóia a causa, transformando uma de suas tradicionais celebrações de domingo, num “Culto Rosa”, onde homens e mulheres, vestindo a cor que marca a campanha no mês de outubro, demonstraram todo seu apoio e solidariedade.

 

Durante o “Culto Rosa”, o público pode conhecer o feliz testemunho de cura de Marizete Cardoso, que compartilhou com todos sua história de superação na luta contra o câncer de mama. “Deus, minha família e a igreja foram fundamentais no meu processo de combate a doença”, declarou.

 

O exemplo de vida, força, esperança e solidariedade da artesã Rosa Mavignier, foi compartilhado com todos. “Nós que passamos por essa sentença de morte, passamos a entender que pode ser de vida também, pois coloquei Deus a minha frente”, disse. E com essa confiança que tenho n’Ele, o câncer já era” , declarou Rosa.

 

Rosa ainda compartilhou o resultado positivo que a campanha do Lenço Solidário tem dado. “ Cada vez que eu entrego esse pedaçinho  de pano numa sala de quimioterapia,  eu vejo como é bom ser solidário”, “Amor e solidariedade é tudo e Deus nunca nos abandonará”, completou.

 

O líder da igreja, pastor Altair Ribeiro, falou da importância de cuidarmos de pessoas. “As coisas que a gente faz em nome de Deus para as pessoas, são as únicas e verdadeiras que levaremos daqui”, destacou.

 

Presente ao encontro, o prefeito Paulo Duarte, acompanhado da primeira dama e diretora-presidente da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico, Maria Clara Scardini, falou da importância da campanha. “ Toda garra e superação da Rosa Mavigner  e o amor com que ela tem feito esse trabalho, merece ser compartilhado com todos”, declarou.

 

Ao término do culto, todos fizeram a doação dos lenços que serão entregues à artesã Rosa Mavignier, que realiza na cidade, um trabalho de doação para aquelas pessoas que fazem tratamento de quimioterapia.

 

Participaram do “Culto Rosa” o secretário de Governo, Márcio Cavasana, a secretária de Educação, Roseane Limoeiro e a secretária de Assistência Social, Andréa Ulle.