Apesar da greve, bancos garantem abastecimento dos caixas eletrônicos

A greve bancária desencadeada na manhã dessa terça-feira, 30, nas agências bancárias, não vai refletir no desabastecimento dos caixas eletrônicos. A garantia foi dada pelos próprios gerentes das instituições financeiras existentes em Corumbá, como forma de tranquilizar a população.

 

Na manhã de hoje, atendendo uma orientação do prefeito Paulo Duarte, o gerente de Proteção e Defesa do Consumidor do Município, Alexandre Vasconcellos, entrou em contato com os gerentes dos bancos estabelecidos na cidade, para tratar do assunto, e recebeu a garantia de que os caixas estarão sendo abastecidos normalmente.

 

“A informação que obtivemos é que os caixas eletrônicos continuarão sendo abastecidos normalmente durante a greve. A Prefeitura, por  meio do Procon, vai continuar fiscalizando esta situação, para evitar que os consumidores sejam penalizados”, argumentou Vasconcellos.

 

Em relação a pagamento de contas, o gerente explica que “a greve não exime o consumidor de efetuar o pagamento. Ele deve procurar os caixas, as casas lotéricas, e pagar. Se não conseguir, deve entrar em contato com a empresa para que ela disponibilize meios alternativos para efetuar o pagamento. Caso isto não ocorra, o consumidor não pode ser penalizado com cobrança de juros e multas”, disse, colocando o Procon à disposição para qualquer dúvida.

 

O Procon está ligado à Secretaria de Assistência Social e Cidadania. Funciona na Casa da Cidadania, localizada na Rua XV de Novembro, 400, entre as ruas 13 de Junho e Dom Aquino, centro de Corumbá. Telefone para contato: (67) 3907-5332 / 3907-5431 / 3231-9758