Prefeitura abre 360 vagas para mais cinco cursos no Centro Dom Bosco

A Prefeitura de Corumbá abre inscrições na próxima segunda-feira, 1º de setembro, para cinco novos cursos no Centro de Qualificação para o Trabalho Dom Bosco. Serão disponibilizadas 360 vagas para os cursos de Serigrafia, 45; Montador de Móveis, 45; Cabeleireiro, 90; Manicura e Pedicura, 90, e Libras Básico, 90 vagas.

 

É o que informa o gerente de Trabalho e Qualificação Profissional da Casa da Cidadania, Dilson Antônio Morais da Fonseca. Conforme ele, os trabalhadores interessados em participar dos cursos, poderão fazer suas inscrições nas sedes dos Centros de Referência de Assistência Social mais próximo de suas casas.

 

O curso de Libras Básico será oferecido nos períodos matutino e noturno; cabeleireiro e de manicura e pedicura, vespertino e noturno, e montador de móveis e serigrafia, somente no período vespertino.

 

Segundo o coordenador administrativo do Centro Dom Bosco, Ronney Cesar Jard, as inscrições poderão ser feitas até o dia 05 de setembro. No ato, os interessados devem apresentar cópia do RG ou CPF e Comprovante de Residência. Lembra também que é preciso ficar atento em relação à idade exigida para cada curso: Libras Básicos (a partir de 18 anos), Cabeleireiro (a partir de 18 anos), Montador de Móveis (a partir de 16 anos), Serigrafia (a partir de 16 anos) e Manicura e Pedicura (a partir de 18 anos).

 

O Centro Dom Bosco é mantido pela Prefeitura de Corumbá em parceria com a Missão Salesiana. A administração está a cargo da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, por meio da Gerência do Trabalho e Qualificação Profissional.

 

O subsecretário de Assistência Social e Cidadania, Nilo Corrêa, enfatizou que esta será mais uma oportunidade para a comunidade se qualificar. “Agora são cinco cursos. Em breve vamos anunciar mais, em atendimento às orientações do prefeito Paulo Duarte, cuja proposta é qualificar um numero cada vez maior de pessoas, propiciando melhor qualidade de vida e gerando renda para a nossa população”, enfatizou.

 

Dilson reforça, lembrando que o mercado está crescendo e exige uma demanda cada vez maior de profissionais qualificados. “A Prefeitura tem trabalhado no sentido de atrair novos empreendimentos. É uma proposta do nosso prefeito e isto exige profissionais capacitados. Por isso mesmo, o trabalhador deve estar sempre preparado para entrar ou voltar ao mercado”, reforça.

 

A prova, conforme o subsecretário Nilo, foi o encaminhamento de um grupo de trabalhadores que, após passarem pelos cursos no Centro Dom Bosco e efetuarem cadastro no Banco de Oportunidade Municipal (Bom – Pantanal), estão passando por processo de seleção no Grupo Quadri, com grande possibilidade da maioria integrar o quadro de funcionários da futura loja 3 da rede de supermercados.