Pantaneiro em Barretos para narrar Rodeio Júnior na Festa do Peão Boiadeiro

Pelo segundo ano consecutivo, o corumbaense por adoção José Carlos Ferreira da Silva, 29 anos, conhecido como “Zé Carlos, o Cowboy das Arenas”, está em São Paulo para participar da 59ª edição da Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos. Ele será um dos narradores do Rodeio Junior, que completa 27 anos agora em 2014, revelando talentos como: peões, madrinheiros, portereiros, salva-vidas, locutores e outros profissionais, além de preparar touros para o rodeio profissional.

 

Natural de Deodápolis, Zé Carlos está radicado em Corumbá há 18 anos (mora no assentamento Paiolzinho). É funcionário público e sempre teve o sonho em se tornar locutor de rodeios. Segundo ele próprio, isto o levou a buscar alternativas para aprimorar a sua aptidão, e encontrou espaço, após testes, na Nova Clube, emissora de rádio de Corumbá, onde está com dois programas hoje, o Rancho do Cowboy, de 2ª a 6ª, das 16 às 18 horas, e o Top Sertanejo, aos sábados, das 6 às 9 horas.

 

“Esta será a minha segunda participação em Barretos, narrando o Rodeio Junior, que é de grande importância para chegar ao circuito principal”, explicou antes de viajar para Barretos, neste final de semana, para a festa que começou dia 21 e vai até 31 de agosto.

 

Zé Carlos, o “Cowboy das Arenas”, disse que o convite para participar desta nova edição, partiu do presidente do Clube Independente de Barretos, Jerônimo Luiz Muzetti, “que conheceu meu trabalho no ano passado quando eu participei de um concurso com o renomado locutor Barra Mansa. Foram 54 locutores de todo o Brasil e somente cinco se classificaram para o Rodeio Júnior. Eu fui um dos selecionados. Foi o início da realização de um sonho”, revelou.

 

Nesta segunda-feira, 25, ele inicia sua participação no Rodeio Junior. Antes de embarcar para a cidade paulista, capital brasileira do rodeio, ele não escondeu sua emoção. Disse que é uma “honra ser um representante pantaneiro em Barretos. Quando se fala em rodeio, se lembra dessa boiada que temos aqui no nosso Pantanal. Vou levar o nome de Corumbá para Barretos”, revelou.

 

E manda um recado para aquelas pessoas que ainda não tiveram a oportunidade de vê-lo ou mesmo ouvi-lo em ação: após retornar de Barretos, ele está com duas participações agendadas em rodeios, uma em Aquidauana e outra em Corumbá.