Programa “Ver SUS” acompanha atendimentos da saúde de Corumbá

Com o objetivo de proporcionar aos estudantes de todo o Brasil vivências do Sistema Único de Saúde (SUS), o Ministério da Saúde de Mato Grosso do Sul realizou uma parceria com as cinco universidades da Capital para levar aos municípios estudantes de diferentes áreas de graduação (não somente da saúde) para conhecerem o cotidiano do SUS.

 

O projeto Vivências e Estágios na Realidade do Sistema Único de Saúde é estruturado a partir de seminários, oficinas e vivências onde são compartilhados conhecimentos sobre a gestão do sistema, estratégias de atenção, exercícios de controle social e processos de educação na saúde.

 

Esta semana a Secretaria de Saúde do município recebe a visita de catorze universitários da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Universidade Católica Dom Bosco, Estácio de Sá, Anhaguera/Uniderp e Unigram, dos cursos de Psicologia, Fisioterapia, Enfermagem, Biologia e Assistência Social.

 

Os alunos são divididos em grupos multiprofissionais para proporcionar a descoberta de potencialidades comuns, criando novas percepções sobre a própria formação e provocando uma experiência integrada dos diversos setores do SUS, fugindo do isolamento de estágios restritos às áreas vinculadas ao exercício de cada profissão.

 

De acordo com Rodrigo Domingos, um dos facilitadores do grupo, nessas visitas e acompanhamentos que são feitas nas unidades de saúde serão coletados dados para que posteriormente seja feita um relatório que são apresentados e armazenados no site do projeto.

 

“Eu vim primeiro para conversar com a secretária de saúde e fazer um planejamento onde subdividimos a saúde em primária que seriam todas as Unidades de Saúde Básicas (USB), secundárias ficariam os Centros de Especialidades e terciário seria o Hospital, tornando assim mais fácil as visitas que acontecem pela manhã e as vivências no período da tarde. Sendo que no final de cada dia nós nos reunimos para que possamos analisar e discutir os dados coletados no processo de trabalho, no sistema de informação e de atendimento, e assim realizarmos um relatório diário”, explicou Rodrigo.

 

Em sua visita os alunos receberam a visita do apoiador institucional do departamento de atenção básica do Ministério da Saúde, Gilberto David Filho, que está na cidade para realizar uma capacitação com os profissionais do programa Mais Médico. Ele ficou muito feliz ao ver que um projeto que ele trabalhou continua acontecendo.

 

“É muito estimulante ver o projeto que iniciamos em 2003 debatendo sobre o tema e realizando em 2004 as primeiras visitas onde foram selecionadas 10 cidades no país para receberem a nossa visita e hoje 10 anos após qualquer cidade pode solicitar a visita dos estudantes e está funcionando perfeitamente”, disse Gilberto.

 

Para a secretária de saúde, Dinaci Ranzi, receber esse projeto pela segunda vez em sua gestão, tem a intenção de fazer uma verificação no atendimento do SUS.

 

“Nós fazemos questão de recebe-los para que possamos fazer uma avaliação das práticas realizadas e rever os atendimentos, pois afinal temos uma rede de atendimento completa com 85% da cidade sendo atendida. E essa avaliação vai nos dar um resultado diferenciado na prática em saúde”, explicou Dinaci.

 

O VER-SUS é um programa do Ministério da Saúde que nasceu em 2004 tendo como foco a reorientação da formação em saúde a partir da integração dos estudantes à amplitude e à complexidade do SUS.