Campeonato de Bboys é atração do Juventude na Praça no Porto Geral

A segunda edição do Campeonato de Bboys acontece no próximo domingo, 20, no Porto Geral de Corumbá, dentro do Juventude na Praça, programa desenvolvido pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, sob coordenação da Gerência de Ações para a Juventude. As atividades serão abertas às 15 horas e vai movimentar o final de tarde às margens do Rio Paraguai, que se tornou ponto de encontro da família corumbaense nos finais de tarde.

 

O Campeonato de Bboys faz parte de uma parceria com los Crews (como são chamados os grupos organizados de bboys) de Corumbá, Campo Grande e de Santa Cruz de La Sierra (Bolívia). A disputa vai valer vaga para o Kombat Break que acontecerá em Campo Grande, fruto da parceria entre jovens corumbaenses com os da capital, visando tornar mais evidente a cultura do break no Estado.

 

A parceria com os Bboys faz parte de uma política voltada para a área da juventude, adotada pelo prefeito Paulo Duarte, fortalecida após o primeiro campeonato que ocorreu em 2013, também no Porto Geral, também como parte de uma edição do Juventude na Praça.

 

“Em um esforço da nossa administração, os Bboys agora treinam na Oficina de Dança, um local muito mais adequado de onde eles costumavam fazer seus movimentos. Também temos apoiado suas iniciativas, tanto que a ideia do segundo campeonato foi de autoria deles”, destaca o subsecretário de Assistência Social e Cidadania, Nilo Corrêa.

 

Além do Campeonato de Bboys, o Juventude na Praça deste final de semana terá como atrações espaços para adeptos da prática de skate, do graffit e a da capoeira.

 

Além disso, na abertura, está programada a apresentação da peça de teatro resultante do Projeto “Eu pertenço a Corumbá e Corumbá me pertence”, um dos cinco aprovados pelo município de Corumbá por meio do edital Micro Projetos do Pantanal, com recursos da Funarte, que esteve a cargo da Fundação de Cultura de Corumbá.

 

O gerente de Políticas Públicas para a Juventude, Victor Rapphael Almeida, salienta ainda que nessa edição do Juventude na Praça, “teremos um exemplo de confraternização e união dos jovens em prol dos movimentos urbanos. Recepcionar BBoys vindos da capital e de outro país como a Bolivia, mostra que mesmo distantes, os interesses podem ser comuns e todos podem somar em busca de seus objetivos”.