Prefeitura executa obras de recapeamento asfáltico na Cyríaco de Toledo

A Prefeitura de Corumbá já está implantando um novo pavimento asfáltico na Rua Cyríaco de Toledo, uma das principais vias da parte alta da cidade, que interliga os bairros Popular Nova, Guarani, Nova Corumbá, Kadwéus e os conjuntos Guanã I e II. Os serviços foram iniciados pelo Guanã e integram a primeira etapa de um projeto lançado pelo prefeito Paulo Duarte, no sentido de melhorar as condições de tráfego das principais vias urbanas do Município.

 

O recapeamento está sendo a base do CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente), mesmo material utilizado nas principais vias do centro da cidade que já foram atendidas, como Barão do Rio Branco, América, Firmo de Matos, Colombo, entre outras, por ser mais resistente e que aumenta a vida útil do pavimento.

 

O pavimento na Cyríaco de Toledo começou pela Rua José de Barros Maciel. Na quinta, a equipe responsável pelos serviços, executou a primeira quadra, até a João Batista Couto, que também teve uma quadra recapeada, em frente à Escola Municipal Clio Proença de Oliveira.

 

O secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos da Prefeitura, Gerson Melo, informou que o recapeamento, de imediato, vai ser implantado da José de Barros Maciel até a Pernambuco, no Bairro Guarani. É que este trecho já recebeu obras do sistema de esgotamento sanitário por parte da Sanesul. Segundo ele, o recapeamento da Cyríaco, entre a Pernambuco e a Paraná, na Popular Nova, acontece em uma segunda etapa.

 

Nesta fase estão sendo recapeadas nove das 16 quadras programadas, atendendo o Guanã, Kadwéus, Nova Corumbá, Guarani e Popular Nova. A obra foi uma decisão do prefeito que incluiu a Cyríaco de Toledo na primeira etapa do programa de recapeamento das principais vias urbanas da cidade com recursos próprios, oriundo dos impostos que a população paga, como o IPTU. Segundo o Chefe do Executivo, isto se deve ao fato de ser uma das principais da parte alta da cidade, com intenso tráfego de veículos, e por ser também linha de ônibus.

 

Resolvendo um problema

 

Para os moradores da região beneficiada, a obra que está sendo executada pela Prefeitura vai resolver um grande problema e melhorar as condições e tráfego em uma das principais vias da parte alta da cidade. “Não vai ser bom, vai ser ótimo para nós”, simplificou Natividade Alvares Ruiz, moradora na Cyríaco, no Guanã II.

 

A comerciante lembrou as dificuldades de se transitar pela via, devido à grande quantidade de buraco. “Moro aqui há nove anos e sempre foi assim. Agora vai melhorar muito a nossa vida”, disse. Sua filha, Ana Paula Ruiz Vieira, comentou que sempre era executada a operação tapa buraco. “Mas, isto não resolvia. Vinha chuva e a enxurrada levava todo o material que eles colocavam. O buraco ficava maior ainda. Agora vai resolver”, observou.

 

Antônio Bordin, comerciante na Rua Cyríaco de Toledo desde 1.998, também demonstra satisfação com a obra de recapeamento que a Prefeitura está executando. Ele lembra que, quando iniciou o seu comércio, a via não contava com asfalto, implantado no início da década passada. 

 

No entanto, nos últimos anos, sua preocupação esteve sempre relacionada ao pavimento, devido ao estado em que se encontrava. “Briguei muito com motoristas de ônibus, principalmente, pelo fato deles transitarem em alta velocidade e levantar muita poeira. Isto aqui – disse apontado para o pavimento que estava sendo implantado em frente ao seu comércio – é o que a gente queria. Vi acabar com a poeira e a buraqueira no asfalto”.

 

Preocupação

 

Antes da obra ser implantada, a Prefeitura realizou uma série de ações em toda a extensão da Cyríaco de Toledo, para fazer com que os moradores corrigissem um problema: despejo de água servida direto na rua. Em parte o problema foi resolvido. No entanto, ainda hoje se observa água escorrendo pela Cyríaco.

 

Os moradores da rua apontam os responsáveis: pessoas que residem nas transversais, parte mais alta. “Eles jogam água direto e, como estão em uma região mais alta, a água acaba caindo direto na Cyríaco. É água servida que causa danos ao alfalto”, denunciam.

 

E esta situação já foi alvo e fiscalização da Prefeitura. O secretário de Governo, Márcio Cavasana, lembra que todos os proprietários de imóveis que apresentam o problema, foram notificados e receberam prazo para as devidas providências. Mesmo assim, ainda existem imóveis que continuam jogando água servida direto no pavimento, principalmente na região da Nova Corumbá, que deve receber o pavimento ainda esta semana.