Palco dos shows no Arraial do Banho de São João será instalado na ferradura

O palco dos shows do Arraial do Banho de São João será instalado na ferradura do Porto Geral e não mais na Rua Manoel Cavassa, esquina com a Alameda José Bonifácio. Foi o que informou na manhã dessa quarta-feira, 18, a diretora-presidente da Fundação de Cultura de Corumbá, vice-prefeita Márcia Rolon, durante reunião no auditório da Prefeitura. O Arraial será aberto no dia 21, sábado, e vai até a noite de 23 para 24 de junho.

 

O encontro serviu para definir detalhes do evento como estrutura do palco de shows, praça de alimentação, tráfego de veículos, atendimento médico, além de questões ligadas à segurança. Contou com as participações de representantes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Marinha do Brasil, além de representantes das mais diferentes pastas da administração municipal que estão envolvidas na festa.

 

Marcia explicou que a estrutura dos shows será montada na ferradura do Porto Geral tendo em vista que o Iphan não autorizou a instalação do palco na Manoel Cavassa, esquina com a José Bonifácio, em virtude da estrutura de um prédio existente próximo, em virtude de problemas na sua estrutura que será restaurada em breve.

 

Com esta decisão, o espaço que era destinado aos shows e outras atrações do arraial, será utilizado como área de segurança, inclusive com instalação do centro de triagem da Polícia Militar e do Conselho Tutelar, bem como para as ambulâncias do Corpo de Bombeiro e da Secretaria de Saúde.

 

A praça de alimentação contará com 100 barracas. “Ninguém poderá vender alimentos e bebidas fora das barracas. Os ambulantes também vão ficar n as barracas”, disse Márcia, lembrando que, mais uma vez, será realizando concurso que escolherá a melhor barraca (enfeitada) e a melhor comida.

 

Segurança

 

Os três dias de festa contará com um esquema de segurança bastante rígido. Além de homens da Polícia Militar e da Guarda Municipal, vão estar em funcionamento as câmeras que integram o sistema de monitoramento da Guarda Municipal, que tem contribuído para detectar confusões, como a que ocorreu na terça-feira à noite, na Avenida Marechal Rondon, que permitiu acionar a Polícia Militar de forma imediata.

 

Em relação ao trânsito de veículos, somente nos dias 21 e 22 será permitido o acesso pela Ladeira Cunha e Cruz. No dia 23, data da descida dos andores pela Ladeira até o Rio Paraguai, será proibido. Assim, o tráfego estará liberado apenas pela José Bonifácio, no sentido centro – Porto Geral, e pelos bairros da Cervejaria e Beira Rio.

 

Taxis e moto-taxis terão locais específicos durante a festa que são a Avenida Marechal Rondon, entre Ladeira Cunha e Cruz e Antônio João, e na Domingos Sahib, em frente ao bloco da Universidade Federal. Isto na segunda-feira, 23. Nos dias 21 e 22, os taxis e moto-taxis poderão utilizar a Ladeira Cunha e Cruz.

 

O serviço contará com agentes da Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat) eu cuidará também das saídas das ambulâncias do Porto Geral (Manoel Cavassa) em caso de atendimento médico. O percurso será pela Ladeira José Bonifácio. Agentes com motos serão batedores, interrompendo o trânsito de outros veículos na confluência da Frei Mariano com José Bonifácio.

 

Proibição

 

O prefeito Paulo Duarte também participou da reunião e focou a importância de se realizar um trabalho em parceria, a exemplo do que já ocorre na cidade, envolvendo todos os setores da Prefeitura e de órgãos ligados ao Governo do Estado.

 

Um detalhe bastante discutido no encontro foi o fato terceiro jogo do Brasil (contra Camarões) acontecer no dia 23, justamente na data em que acontece a descida dos andores, ponto alto do Arraial do Banho de São João.

 

A orientação do prefeito foi adoção de medidas rígidas para evitar problemas como de terça. A primeira delas já foi definida: veículos com sistemas de som não poderá trafegar ou estacionar na avenida em dias de jogos do Brasil, já que o local se transformou em ponto de encontro dos torcedores corumbaenses.