Corumbá lança concurso de artes plásticas para comemorar Semana do Meio Ambiente

A Prefeitura de Corumbá está preparando uma intensa programação para celebrar a Semana do Meio Ambiente e um dos atrativos é o com curso de artes plásticas com materiais recicláveis, lançado esta semana pela Fundação de Meio Ambiente do Pantanal. A realização é voltada para alunos dos ensinos fundamental e médio e tem como tema “A arte de criar com recicláveis”.

 

A Semana do Meio Ambiente será celebrada na maior cidade pantaneira no período de 02 a 06 de junho. O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 05 de junho. O concurso será uma forma de promover a arte e a conscientização ambiental nas instituições de ensino de Corumbá, bem como conscientizar e sensibilizar os alunos participantes sobre os impactos decorrentes da destinação inadequada de resíduos sólidos.

 

Segundo a diretora-presidente da Fundação de Meio Ambiente, Luciene Deová, “o aprendizado expresso por meio das linguagens artística e plástica levará os alunos a refletirem sobre as consequências danosas ocasionadas pelo descarte inadequado do lixo”. A ideia é fazer com que o estudante, ao fazer uso de materiais recicláveis, pratica a “Política dos 3R’s” (reduzir, reciclar e reutilizar, preconizada na Educação Ambiental como a maneira ecologicamente correta de lidar com os resíduos sólidos gerados diariamente.

 

Cada escola poderá participar no máximo com quatro trabalhos na categoria Ensino Fundamental, e três trabalhos na categoria Ensino Médio, com premiação para os três melhores trabalhos de cada categoria.

 

A escultura ou arte plástica deverá ser feita de materiais recicláveis ou reutilizáveis. Cada trabalho deverá retratar a ideia central e ter pertinência com o tema “A arte de criar com recicláveis”, e deverá ser feito individualmente na escola pelo aluno e supervisionado por um professor orientador.

 

Podem participar alunos regularmente matriculados nas instituições de ensino de Corumbá, sendo crianças da 6ª à 9ª séria, na categoria Ensino Fundamental, e do 1º ao 3º ano no Ensino Médio.

 

O concurso foi lançado esta semana e os trabalhos devem ser apresentados no dia 5 de junho, às 16 horas, na Praça da Independência, l onde acontece o julgamento e uma exposição das esculturas.

 

O julgamento será feito por uma comissão composta por profissionais da área, ligados às artes plásticas e ao meio ambiente (todos isentos de qualquer vínculo com as escolas participantes), que avaliarão a criatividade, originalidade, coerência temática e grau de dificuldade condizente com a idade do participante.

 

Os primeiros colocados de cada categoria receberão como prêmio um notebook. Já para quem ficar em segunda a premiação será um tablet para cada, e para os dois terceiros colocados, bicicletas. Já os professores orientadores receberão smartphones.