Solenidade marca comemoração dos 53 anos da Cidade Dom Bosco

A Cidade Dom Bosco, projeto idealizado pelo padre Ernesto, e que se tornou referência nos meios educacional e social, completou nesta quinta-feira, 03 de abril, 53 anos de existência. Para comemorar a data, uma missa foi celebrada no Ginásio de Esportes pertencente ao projeto que, atualmente, atende 500 crianças e adolescentes com suas ações sociais, além de 2010 alunos com educação regular, durante os três períodos do dia, na escola Dom Bosco.

 

O diretor do Pólo Salesiano de Corumbá, padre Edmilson Tadeu Canavarros, coordenou a celebração religiosa que reuniu centenas de alunos, pais, professores e autoridades do município, entre elas, o prefeito de Corumbá, Paulo Duarte. A figura do padre Ernesto foi a todo momento lembrada, inclusive com a música composta por Nilton Grey e Sandro Nemir e apresentada ao padre antes de seu falecimento ocorrido há pouco mais de um ano.

 

“A missa é para celebrar a vida, sobretudo daquelas pessoas que se empenharam para que essa obra existisse. À frente delas, sempre o padre Ernesto, que começou não de maneira solitária, mas com pessoas que tiveram também a capacidade de sonhar para que esta obra se transformasse naquilo o que é, com as ações sociais concretizadas, com a escola formando os jovens”, explicou o padre Edmilson.

 

Após o momento religioso, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores mirins da Cidade Dom Bosco tomaram posse do cargo que tem por tarefa representar os estudantes junto à direção da escola. Essa experiência de participação e responsabilidade compartilhada no ambiente escolar é desenvolvida há várias gerações dentro da Cidade Dom Bosco.

 

“É justamente para o aluno perceber o que significa administrar uma cidade, para comprometerem desde pequenos com aquilo o que deve ser uma cidade. Ao mesmo tempo, envolver os pais dos alunos para perceber o quanto se pode fazer a partir de uma educação clara que construa a cidadania. Sem dúvida, contamos muito com a atual Administração Municipal para continuar essa obra e fazer com que cada criança possa construir uma cidade melhor, que não é apenas a Dom Bosco, mas também a cidade de Corumbá”, comentou o padre Edmilson.

 

Ao se dirigir aos jovens, o juiz Alysson Kneip Duque, titular da 2ª Vara Cível e da 7ª zona eleitoral, elencou valores primordiais que devem reger a trajetória dos prefeitos e vereadores mirins em seus mandatos.

 

“Todos os prefeitos, hoje, representam esses estudantes que aqui estão, mas só vão se tornar líderes desses estudantes se observarem valores fundamentais para o exercício dessa função. Primeiro, honestidade; segundo, saber ouvir, porque não se governa ou não se lidera sem que se esteja aberto a opiniões, a novas ideias, a novos discursos, saibam que ninguém governa sozinho, vocês tem que estar sempre ouvindo todas essas pessoas que aqui estão; e terceiro, procurem sempre estar em paz com suas consciências, ajam de maneira que as consciências não os persigam posteriormente, façam apenas aquilo que vão lhes dar tranquilidade de encostar a cabeça no travesseiro e dormirem sem nenhuma culpa”, orientou o magistrado.

 

Letícia Amaral Castello, 16 anos, que foi eleita prefeito do período matutino, discursou em nome dos demais colegas e destacou que os ensinamentos aprendidos na Cidade Dom Bosco fazem diferença na vida dos jovens que ali convivem.

 

“O mais importante da Cidade Dom Bosco é que nos sentimos acolhidos com amor. Há toda uma preocupação com a nossa educação porque temos uma preparação para a vida, não apenas na transmissão do conhecimento, mas, através de uma ação prática, que nos possibilita meios para nos firmarmos posteriormente como cidadãos úteis a si, a nossa família e a nossa comunidade”, disse.

 

Além dela, Thainar Batista Ferreira e Bianca Gaudalupe de Oliveira, respectivamente, prefeitas dos períodos vespertino e noturno, foram empossadas, reforçando a presença feminina nos cargos de liderança como lembrou o prefeito Paulo Duarte em sua fala aos estudantes.

 

“Aqui também, na cidade Dom Bosco, acontece um fenômeno visto no mundo. Em todos os cargos de prefeito, foram eleitas mulheres, mostrando a força delas que, com certeza, cada vez mais, se fazem presentes”, discursou.

 

Ele também não se esqueceu de reforçar o papel cidadão de cada um na sociedade, a começar pelo jovem, que ao compreender a postura de engajamento se faz em via dupla, contribui para a presença da justiça e evolução no espaço onde vivemos.

 

“Como ex-aluno salesiano, sei da importância deste momento, principalmente, aos jovens que, desde cedo, entendem que cidadania e democracia não é somente cobrar as autoridades, mas ter uma participação efetiva. Além de reivindicar melhorias, é importante que vocês ajudem aqueles que dirigem a Cidade Dom Bosco e saibam que a liderança é exercida desde cedo”, afirmou.

 

O chefe do Executivo aproveitou o momento para anunciar que, no dia 30 de abril, será inaugurada uma unidade de saúde, construção que está sediada nas dependências da Cidade Dom Bosco.

 

“A Prefeitura de Corumbá sempre foi e será uma parceira da Cidade Dom Bosco e por isso entregaremos uma Unidade de Saúde nova, equipada com profissionais para atender a população. Isso é um compromisso com a Cidade Dom Bosco, com a população dessa região, e acima de tudo, com a memória do saudoso padre Ernesto”, frisou Duarte.