Desburocratização é tema de encontro com a Junta Comercial do Estado

Desburocratização dos processos de abertura de empresas em Corumbá foi um assunto amplamente debatido durante encontro entre representantes da Prefeitura Municipal e da Junta Comercial do Estado de Mato Grosso do Sul (Jucems). A reunião faz parte de uma estratégia adotada pelo prefeito Paulo Duarte. Ele entende que o excesso de burocracia é um dos principais entraves ao crescimento da cidade, incentivando inclusive a informalidade, principalmente no universo das micro e pequenas empresas.

 

A reunião aconteceu na sede da Secretaria de Indústria e Comercio e contou com as participações do titular da pasta, Pedro Paulo Marinho de Barros; da secretária de Fazenda e Planejamento, Waléria Andrade Leite; do gerente de Desenvolvimento do Comércio, Gabriel Albaneze; do Presidente da Jucems, Wagner Bertoli, e do gerente da Representação da Junta em Corumbá, Lourival Selesque.

 

Para Wagner Bertoli, os interesses da Administração Municipal no processo de desburocratização, estão em total sintonia com os da Junta Comercial. Acreditando na parceria entre os órgãos, ele propôs a realização de um convênio, em que garantirá à Prefeitura, ter acesso ao banco de dados da Junta, o que auxiliará, e muito, na abertura de novas empresas, bem como no processo de desburocratização como um todo.

 

“O cenário em Brasília, está direcionando para que haja uma padronização nos processos de abertura de empresas em todo país, o que será realizado através do Integrador Estadual”, comentou.

 

Bertoli convidou os representantes da Prefeitura, para participarem no dia 11 de abril, de uma reunião nacional em Brasília, quando será apresentado o Integrador Estadual. Trata-se de uma ferramenta com um software específico para abertura de empresas, que contará com a integração de todas as instituições envolvidas no processo, interligando-as e conveniando-as, o que promete ser uma revolução nos processos e procedimentos de aberturas de empresas em todo o país.