Com novas instalações, Prefeitura melhora serviços laboratoriais em Corumbá

A população corumbaense passa a contar com um novo laboratório de análises clínicas em condições de melhor atender os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), além de permitir condições dignas de trabalho para toda equipe responsável pelos serviços. A nova instalação foi entregue na manhã dessa quinta-feira, 24, pelo prefeito Paulo Duarte e marcou o início de uma programação a ser cumprida durante os próximos das, com inaugurações de unidades de saúde e outros equipamentos importantes para a melhoria de qualidade de vida para o corumbaense.

 

O novo Laboratório Municipal está localizado na Rua Colombo, ao lado do Pronto Socorro, dentro do complexo da Santa Casa, em um prédio anexo ao Hemonúcleo, cedido pelo Governo do Estado, que passou por ampliação, reforma e adequação, em condições de atender os serviços disponibilizados pela Rede de Saúde do Município.

 

“Trata-se de uma obra importante para a população que vai refletir na melhoria da qualidade dos serviços não só para o corumbaense, mas também para o ladarense e para os cidadãos bolivianos”, comentou o prefeito Paulo Duarte. “Antes, o laboratório funcionava em uma situação precária, no antigo prédio do mercadão que, em breve, voltará cumprir com as suas funções, que é atender o produtor rural”, citou.

 

O prefeito se referiu ao fato de que até bem pouco tempo atrás, no prédio, funcionava o Centro Integrado de Saúde. “O prédio foi construído para ser um mercado e não unidade de saúde. Foi um dos primeiros locais que visitamos no início da administração, quando estabelecemos uma série de mudanças para melhorar os serviços prestados pela Rede de Saúde Pública”, disse Duarte.

 

“Hoje, estamos inaugurando as novas instalações do Laboratório Municipal e, nos próximos dias, vamos entregar à população, uma nova estrutura onde funcionarão a farmácia, fisioterapia, vigilância sanitária, ouvidoria da saúde, e outros setores. Vamos retirar todos os serviços prestados hoje no mercadão que foi construído para atender o produtor e não a saúde pública”, ressaltou, lembrando que a nova estrutura fica localizada na Rua América, entre a Tiradentes e a Ladário.

 

“Estamos saindo de uma situação precária, sem estrutura para atender a população, e sem condições dignas de trabalho para os profissionais da área de saúde. É o início de muitas ações que pretendemos entregar daqui para a frente, como as unidades de saúde do Dom Bosco, do Nossa Senhora de Fátima, do Universitário, a UPA do Guató, e muitas outras benfeitorias”, reforçou.

 

Acompanhado da secretária de Saúde Dinaci Ranzi, o prefeito visitou as instalações do novo laboratório, conversou com os usuários e com integrantes da equipe responsável pelos serviços – 21 profissionais ao todo.

 

Este número deve aumentar em breve. Segundo a secretária Dinaci Ranzi, isto vai acontecer tendo em vista ao fato de que o Laboratório vai atender 24 horas por dia para atender o Pronto Socorro. Conforme ela, quando há necessidade de exames laboratoriais de algum paciente que dá entrada no PS, é preciso ser internado no hospital. “Muitas vezes esta pessoa fica de três a quatro dias aguardando vagas para internação. Com o laboratório funcionando 24 horas, os exames serão encaminhados de imediato, desafogando o Pronto Socorro”, comemorou.

 

Aprova

 

A população também está aprovando as novas instalações do laboratório. Um dos itens mais comentado na manhã dessa quinta-feira, entre as pessoas atendidas no local, foi justamente higiene. “Mudou muito. As condições em que funcionava não dava. Aqui está bem melhor”, afirmou Sandra Regina Rodrigues, moradora no Bairro Aeroporto.

 

Outra que comemorou as novas instalações foi Daiana Reis da Silva, moradora no Bairro Centro América. “Aqui está bem melhor. Mais conforto, mais higiênico, no centro”, destacou. Claudiana Gonçalves também comentou a mudança: “Aqui tem mais conforto, é mais limpo, mais conservado. Bem melhor”.

 

A entrega do laboratório foi prestigiada por um grande número de pessoas, em ter usuários do sistema de saúde, autoridades e convidados, como a vice-prefeita Márcia Rolon, diretora-presidente da Fundação de Cultura, e a vereadora Cristina Lanza.