Com valorização profissional, Corumbá trabalha por educação de qualidade

Na semana em que professores e demais trabalhadores da área de educação de todo o Brasil fazem atos e paralisações em prol de melhorias para a categoria, o Município de Corumbá ressalta os grandes avanços conquistados na Rede Municipal de Ensino (Reme), garantindo à Capital Pantaneira, um salto rumo à tão sonhada qualidade na educação pública.

 

Somente este ano, a Prefeitura de Corumbá, que oferece um dos melhores planos de cargos e renumeração do Estado para a categoria, realizou em menos de dois meses, duas chamadas do concurso público de 2011, reforçando ainda mais a rede e valorizando o profissional concursado.  “É uma alegria muito grande saber que 70 professores aprovados foram empossados entre os anos de 2013 e 2014”, observou a secretária de Educação do Município, Roseane Limoeiro.

 

 

No desafio pela valorização, a Prefeitura Municipal ainda garante adicionais de capacitação para os profissionais que buscam qualificar sua formação. E oferece, em parceria com a Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS/ CPAN), especialização em docência na educação infantil, além de um curso de extensão em Direitos Humanos, com o objetivo de qualificar os educadores.

 

 

Considerando a educação como fator transformador da sociedade, o prefeito Paulo Duarte lançou a readequação do Plano Municipal de Educação de Corumbá, para garantir a inclusão e a melhoria da qualidade do ensino prestado à população, cujas metas beneficiam cerca de 16 mil alunos e 1,5 mil servidores distribuídos em 23 escolas e 11 Centros de Educação Infantil do Município.

 

Climatização

 

Como na atual administração, educação é prioridade e tem que ser na prática e não ficar apenas no discurso, o prefeito Paulo Duarte tem seguido um cronograma de entrega de todas as salas de aula climatizadas da Rede Municipal de Ensino.

 

O projeto, conhecido como “Bons Ventos”, faz parte de uma proposta do chefe do Executivo Corumbaense de instalar aparelhos de ar condicionado, até o segundo semestre, em 365 salas de 28 estabelecimentos de educação do Município, mantidos pela Secretaria de Educação, beneficiando 16 mil alunos.

 

Integração

 

Obedecendo a uma política de integração junto aos irmãos bolivianos, a Prefeitura formou 38 professores da Reme em Língua Espanhola, entre os meses de abril e novembro de 2013. O curso, oferecido gratuitamente pela Secretaria Municipal de Educação atendeu duas turmas: Espanhol Básico I, com 18 alunos, e Espanhol Básico II, com 20, beneficiando mais de 700 alunos bolivianos, ou filhos de bolivianos, matriculados na Rede Municipal de Ensino de Corumbá.

 

 

A Prefeitura de Corumbá, por meio da Secretaria de Educação, ainda incluiu o Programa de Escolas Interculturais de Fronteiras, em parceria com a UFMS/CPAN, que contou com a participação de 50 profissionais das escolas fronteiriças bolivianas e da REME.

 

 

Obras e reformas

 

Promovendo melhorias na estrutura de trabalho das escolas do Município, só no ano de 2013, a Prefeitura de Corumbá concluiu e entregou a obra do Centro de Educação Infantil Hélia da Costa Reis, Bairro Nova Corumbá (2013); a reforma e ampliação da Escola Municipal Rural Polo Luiz de Albuquerque (2013); a construção de cozinha com refeitório da Escola Municipal Cássio Leite de Barros (2013); a reforma e pintura das escolas Delcídio do Amaral e CEI Inocência Cambará, em parceria com a Marinha do Brasil e reforma e ampliação da Escola Municipal Fernando de Barros (2013). Ainda em fase de construção e reforma, encontra-se a Escola Municipal Rural Pólo Monte Azul, no Assentamento Taquaral. Tudo isso para que o ensino seja cada vez mais qualificado em nossa cidade e os profissionais da educação tenham melhores condições de trabalho.