Acadêmicos do Pantanal supera chuva e traz sorte para o Carnaval de Corumbá

A Acadêmicos do Pantanal foi a primeira agremiação a desfilar na segunda noite do Desfile das Escolas de Samba do Carnaval de Corumbá. Apesar de ter sido bastante afetada pela forte chuva que caiu na cidade durante a tarde desta segunda-feira, 03, a Verde e Branco do bairro Aeroporto mostrou superação, animação e empolgação na avenida.

 

Com o enredo “Se eu sonhar com alegria, aposto em você”, a Acadêmicos empolgou o público, presente desde cedo na Passarela Pantaneira do Samba. A comissão de frente, coordenada pelo coreógrafo Sulivan, trouxe os Anunciadores da Sorte. Foram 10 bailarinos representando as dezenas e os animais do jogo do bicho.

 

O Tuiuiú, símbolo da escola, veio logo no primeiro carro. Os outros mostraram “O Milhar e a Centena”, outra característica do jogo, o “Se Sonhar Com Alegria Posto em Você”, fazendo alusão às apostas baseadas nos sonhos, e o “Jogo Alto”, onde veio a carnavalesca e presidente da Acadêmicos, Jackelyny Pazzolyny.

 

Destaque para a cobra articulada colocada na frente da última alegoria. A bateria, comandada pelo mestre José, teve 90 integrantes e estava fantasiada de águia, o segundo animal do jogo do bicho. A madrinha foi Vanessa Almeida. O compositor do samba homônimo ao enredo, Marcos César, também foi o interprete da escola.

 

A bandeira da agremiação veio nas mãos de Dayse e Marcelo, casal de porta-bandeira e mestre-sala. A empolgada Acadêmicos do Pantanal desfilou com 700 componentes.