Prefeitura repassa verbas para cordões e blocos carnavalescos de Corumbá

Com a assinatura de dois termos de convênio, a Prefeitura Municipal de Corumbá repassou R$ 215 mil para a UCC (União dos Cordões Carnavalescos de Corumbá) e a LIBLOCC (Liga dos Blocos Carnavalescos de Corumbá) na tarde da última quarta-feira, 05 de fevereiro, na sala de reuniões do Paço Municipal.

 

O valor repassado às entidades carnavalescas teve um incremento de 16% com relação ao montante do ano passado. Na avaliação do prefeito Paulo Duarte, o valor investido traz grandes retornos para a cidade.

 

“O carnaval gera renda para a população de Corumbá, vamos novamente fazer uma pesquisa durante o período de carnaval para mostrar que o recurso que está sendo colocado volta quatro, cinco vezes mais. O carnaval é muito mais do que uma festa popular, faz parte do nosso calendário, gera emprego e renda, incentiva o Turismo. A gente trabalha o carnaval com essa visão profissional”, destacou o prefeito que assinou os convênios, juntamente com a vice-prefeita e diretora-presidente da Fundação de Cultura de Corumbá, Márcia Rolon.

 

Para Nely Ramona da Costa Santos, presidente da UCC, a verba do Poder Municipal representa quase a totalidade do carnaval feito pelos cordões, uma vez que essas entidades não comercializam suas fantasias.

 

“Essa verba é para contratar carnavalescos e banda para irmos à avenida, entre outras despesas. Estamos firmes e fortes para colocar um carnaval brilhante na rua este ano”, afirmou a presidente ao lembrar que os quatro cordões (Cinelândia, Paraíso dos Foliões, Flor de Corumbá e Cravo Vermelho) receberão, cada um, o valor de R$19.250,00, o que contabiliza R$ 77 mil. A UCC mantém R$ 3 mil do valor total para organização do desfile.

 

Com mais entidades, onze no total, a LIBLOCC recebeu parcela maior, R$ 135 mil, que serão divididos igualitariamente entre elas, resguardando o valor de R$ 7,4 mil para a Liga que, entre as despesas da organização do desfile, tem a contratação do corpo de jurados e da comissão fiscalizadora e a compra de troféus.

 

Os onze blocos filiados à LIBLOCC que receberão o repasse público são: Clube dos Sem, Águia da Vila, Arthur Marinho, Os Intocáveis, Vitória Régia, Praia Bola e Cerveja, Nação Zumbi, Bola Preta, Afro Samba Reggae, Flor de Abacate e Oliveira Somos Nós.

 

O dinheiro deverá ser liberado ainda esta semana para as entidades carnavalescas e o prazo de vigência dos convênios é de 3 meses, com um período de mais dois (60 dias) para a prestação de contas.