Tráfico humano será tema de um seminário neste sábado, em Corumbá

Parceria entre a Diocese de Corumbá e a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, está permitindo a realização neste sábado, do Seminário Fraternidade e Tráfico Humano, tema da Campanha da Fraternidade 2014. O evento será no Auditório da Associação Comercial de Corumbá, com abertura às 14 horas, e tem por objetivo reunir fiéis, poderes públicos e organismos da sociedade que atuam na área.

 

O objetivo geral da Campanha da Fraternidade neste ano é “identificar as práticas de tráfico humano em suas várias formas e denunciá-las como violação da dignidade e da liberdade humanas, mobilizando cristãos e pessoas de boa vontade para erradicar este mal com vista ao resgate da vida dos filhos e filhas de Deus”.

 

A comissão organizadora do seminário é formada pelo padre Rosalino de Jesus(coordenador de Pastorais da Diocese); Cristiane Sant’ Anna(gerente de Políticas da Mulher da Prefeitura de Corumbá); padre Marco Antônio Ribeiro (Pastoral da Mobilidade Humana) e Judite Sales (Pastoral Carcerária).

 

A parceria Diocese e Prefeitura na realização do Seminário, têm o objetivo de identificar as causas e modalidades do tráfico humano na região de fronteira, além de denunciar as estruturas e situações causadoras do tráfico humano e promover ações de prevenção e de resgate da cidadania dos atingidos, reivindicando aos poderes públicos, políticas e meios para a reinserção das pessoas atingidas pelo tráfico humano na vida familiar e social.

 

Uma das palestrantes será a assistente social Estela Scandola, doutoranda pela Universidade de Lisboa, que integra a CONATRAP (Comissão Nacional de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas), coordenadora da Pesquisa sobre Tráfico de Mulheres, Crianças e Adolescentes para fins de Exploração Sexual Região Centro Oeste que contou com o apoio do Ministério da Justiça.