Presépio vencedor de concurso contou com fonte de água como diferencial

Após quatro dias de exposição e mais de 1800 votos depositados na urna, chegou ao final o Concurso de Presépios de Corumbá na noite deste domingo, 22 de dezembro. Todas as doze peças participantes tinham como tônica o trabalho artesanal para representar o momento do nascimento do Menino Jesus.

 

Os presépios ficaram expostos no Coreto do Jardim da Independência, onde, de acordo com cálculos da Fundação de Cultura de Corumbá, passaram mais de 5 mil pessoas, incluindo crianças e adultos, sendo que estes últimos tinham a opção do voto.

 

“De nada adianta a Prefeitura fazer o seu melhor e vocês não participarem. A população participou, a gente agradece muito. As pessoas estão felizes, o mais importante do Natal é isso: brilho nos olhos e compartilhar com o outro”, disse a diretora-presidente da Fundação de Cultura de Corumbá, Márcia Rolon, antes do anúncio dos vencedores.

 

O presépio vencedor foi o de número 4 cuja confecção é de Rafael Mosciaro. Ele recebeu 574 votos e como premiação, R$ 1 mil. Feito em argila, o presépio tinha como elemento diferencial uma fonte de água.

 

Em segundo lugar, com 289 votos, ficou o presépio de número 07, elaborado por Esdras Melgar. A criatividade foi a característica marcante deste trabalho que contou com palitos de picolé para representar os personagens cristãos. Esdras receberá R$ 600 pelo seu presépio, que foi nomeado de “O Nascimento do Menino Jesus”.

 

Com 177 votos, o presépio de número 03, cujo autor foi Alex Rodrigues, conquistou a terceira colocação. Assim como o trabalho campeão, este presépio foi confeccionado em barro, porém o que o diferiu foram as peças em tamanho grande e pintadas de branco. Batizado de “O Renascimento”, o trabalho de Alex receberá R$ 400 estar entre os prediletos do público que visitou o Jardim do Natal.