Município disponibiliza vacina tetra viral para crianças acima de 15 meses

Crianças que completaram 15 meses de idade a partir de 1º de setembro de 2013, devem ser encaminhadas às unidades de saúde de Corumbá, para que recebam a dose da vacina tetra viral que protege contra o sarampo, caxumba, rubéola e varicela. A ação está sendo coordenada pela Secretaria de Saúde da Prefeitura, em atendimento a orientações do Ministério da Saúde.

 

“Todas as unidades de saúde da cidade que disponibilizam sala de vacinação, estão com doses disponíveis para atender crianças nesta faixa etária. São crianças que completaram 15 meses a partir de 1º de setembro, nascidas a partir de 1º de junho de 2012”, informou o enfermeiro Wangley Campos, chefe do setor de imunização da Saúde, observando que o público alvo são crianças com até 23 meses e 29 dias de idade.

 

Conforme ele, a disponibilização da vacina tetra viral exclusiva para crianças nesta faixa etária, faz parte da campanha de atualização do informe técnico após a sua introdução na Rede do Sistema Único de Saúde. Segundo ele, a orientação do Ministério é reforçar a adoção de estratégias diferenciadas para o resgate das crianças que não foram vacinadas no período em que a vacina foi introduzida no calendário do Programa Nacional de Imunizações.

 

Wangley observa no entanto que a cobertura vacinal vai atender crianças que completaram 15 meses de idade a partir 1º de setembro de 2013, desde que tenham recebido a primeira dose da vacina tríplice viral. Crianças que não foram imunizadas na época, poderão receber a vacina até completarem 23 meses e 29 dias de idade (menores de 2 anos).

 

Já crianças que foram vacinadas com duas doses da tríplice viral, poderão receber a vacina tetra viral até completarem 23 meses e 29 dias de idade (menores de 2 anos). Aquelas que já receberam uma dose com a varicela monovalente ou tetra viral aos 12 meses, poderão receber a vacina tetra viral até completarem 23 meses e 29 dias de idade (menores de 2 anos).

 

Para esta situação, serão consideradas as crianças que foram vacinadas Centros de Referência de Imunobiológicos Especiais, em áreas indígenas e nos serviços privados. A vacina não será disponibilizada para as crianças nascidas até 31 de maio de 2012. A vacina a ser oferecida será a tríplice viral conforme situação vacinal encontrada.