Mesmo com chuva, Banda Manoel Florêncio dá show na Generoso Ponce

A décima terceira edição do Concerto de Santa Cecília proporcionou uma noite inesquecível para o público presente à Praça Generoso Ponce na noite dessa quinta-feira, 21. Mesmo com chuva, os integrantes da Banda de Música Manoel Florêncio proporcionaram um belo espetáculo, resultado de um ano de muito trabalho, que culminou com um evento em homenagem à santa, padroeira dos músicos.

 

A apresentação integrou a programação cultural do Pantanal Extremo e foi uma realização da Prefeitura Municipal, por meio da Fundação de Cultura de Corumbá. Foi um espetáculo com 14 peças e um repertório bastante eclético, do erudito ao popular.

 

Presente ao evento, o prefeito Paulo Duarte elogiou o espetáculo. “Acredito que não só eu fiquei surpreendido pela qualidade e diversidade das músicas apresentadas, mas o público também gostou muito e, apesar da chuva, todos permaneceram até o final, aplaudindo de pé as várias peças”, comentou.

 

O prefeito lembrou ainda o trabalho que vem sendo desenvolvido dentro da Banda de Música Manoel Florêncio. Segundo ele, esta edição “é apenas o começo” e que, com a nova sede e a implantação de uma academia de música, os integrantes terão condições de ampliar conhecimentos, beneficiando um número bem maior de pessoas.

 

O concerto foi aberto pelo maestro José Inácio Braz Assis, regente da Banda de Música da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira, que apresentou um repertório clássico, a “Cavalaria Ligeira” do compositor francês Franz von Suppè, destaca em muitos desenhos animados e em trilhas sonoras de filmes.

 

A Banda Manoel Florêncio, também realizou um tributo à memória de um dos maiores ícones da arte brasileira, que se estivesse vivo, completaria 100 anos, o compositor, escritor, poeta, dramaturgo e diplomata Vinícius de Moraes. O maestro José Carlos Marques Pereira, executou duas canções marcantes, “Se todos fossem iguais a você”, e “Chega de saudade”.

 

O evento também trouxe a trilha sonora de um dos filmes de sucesso de bilheteria, “O último dos Moicanos”, com participação especial do Coral Cidade Branca, regido pelo maestro Luciano Gibaile, arranjos e regência do maestro Carmo Kleber Dalence.

 

Nesse passeio pela música a Banda Manoel Florência não poderia deixar de homenagear um dos mais renomeados compositores da história: Wolfgang Amadeus Mozart, que pelas mãos do maestro José Carlos Marques Pereira, apresentou o primeiro movimento da “Sinfonia nº 40”.

 

A noite foi encerrada com “Highlights from Exodus”, um apanhado de temas de mais um filme épico, que contou com a regência do Maestro José Carlos Marques Pereira, e participação especial do Coral Cidade Branca.

 

Para a vice-prefeita e diretora-presidente da Fundação de Cultura, Márcia Rolon, a apresentação foi de um grande sucesso apesar da chuva. “Conseguimos montar essa estrutura coberta para acomodar as pessoas, sentadas, e isto fez com que todos se sentissem em uma grande sala de teatro, para presenciar uma apresentação surpreendente, com inovações e uma diversidade musical”.

 

Márcia também lembrou que, com a criação da academia de música, que hoje conta com 180 alunos, esse conhecimento possa ser multiplicado. “A banda acaba sendo referência para essas crianças que hoje estão lá aprendendo. Talvez a ideia seja fazer vários núcleos para que possamos caminhar pela cidade e levar a música com qualidade para todos”.