Festival Ecogastronômico permite capacitar merendeiras da Rede de Ensino

Merendeiras da Rede Municipal de Ensino (REME) participam de uma capacitação rica em sabor e troca de experiências. A abertura foi na manhã desta quarta-feira, 27, durante o 1º Festival Ecogastronômico de Corumbá. O evento, que está sendo organizado pela Prefeitura, por meio da Fundação de Cultura, acontece paralelo ao 1º EcoPantanal e 6º Simpósio sobre Recursos Naturais e Sócioeconômicos do Pantanal, uma realização conjunta da Embrapa (Ministério da Agricultura – Governo Federal), Prefeitura, UFMS, e Instituto de Comunicação Social Brasil.

 

A capacitação foi aberta com uma aula para os profissionais dos barcos hotéis. A segunda aula do dia, para as merendeiras, foi ministrada pela chef Ana Ribeiro. Ela mostrou que é possível preparar uma alimentação saudável e atrativa para um público pra lá de exigente: as crianças. “Vamos mostrar para essas merendeiras a importância da utilização de produtos que às vezes são descartáveis. Colorir o prato e incentivar o consumo de uma alimentação saudável é uma das coisas que trabalhar bastante durante nossas capacitações”, destacou a chef.

 

Ao criar novas receitas para a merenda escolar, Ana destacou a importância de priorizar e sempre servir alimentos saudáveis e de origem conhecida. “Ter a opção de comprar gêneros alimentícios produzidos sem usos de agrotóxicos nos assentamentos é um privilégio. E vocês possuem essa riqueza aqui, a partir do programa de Agricultura Familiar da Prefeitura”, observou a chef Ana Ribeiro. “Vamos aproveitar e trabalhar com pratos de baixo custo e rico em proteínas para as nossas crianças, durante as capacitações”, completou Ana.

 

Aprendizado

 

Ana Lúcia, merendeira da Escola Municipal Izabel Correa, ficou encantada com a aula e prometeu colocar tudo em prática. “Estou anotando tudo e quero já experimentar e oferecer para os nossos alunos”, disse. “Eu não imaginava o quanto pode ser aproveitado de cascas de alimentos que na maioria das vezes, jogamos fora”, declarou.

 

Jocilaine de Oliveira, também merendeira da Escola Municipal Izabel Correa, ficou entusiasmada com as variedades de sucos que podem ser feitos a partir de determinados alimentos.  “Adorei experimentar o suco de repolho, que tem sabor de goiaba. Tenho certeza que as crianças vão adorar, além de ser uma oportunidade de consumir algo tão nutritivo”, completou.

 

Programação

 

A programação segue na quinta, 28, a partir das 08 horas com a continuidade da capacitação para profissionais dos barcos hotéis, e às 10 horas para as merendeiras.

 

À tarde, aula com Rosane Coutinho Lisboa Corrêa a partir das 14 horas; Túlio Montenegro, às 16 horas, e Maria Cecílio Roxo Pochettino, às 18 horas. À noite, 20 horas, apresentação dos pratos que participam do concurso.

 

Na sexta-feira, 29, a partir das 08 horas, capacitação das merendeiras, e às 10, dos profissionais dos barcos hotéis. À tarde, a partir das 14 horas, aula com a chef Bianca Barbosa Rodrigues Lopes; com João Eduardo Prado Uchoa Mesquita, às 16 horas, e com Osvaldo Gorsky Castro, às 18 horas.

 

O encerramento do I Festival Ecogastronômico será às 20 horas, com a divulgação do resultado do concurso e premiação dos pratos.