Concurso: convocados começam a entregar documentos nessa segunda

Os candidatos aprovados em concurso público e convocados pelo prefeito Paulo Duarte para integrar o quadro efetivo da Prefeitura de Corumbá começam a tomar posse nessa segunda-feira.  Nessa primeira fase serão atendidos os  Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Vigilância em Saúde, nomeados pela Portaria nº 780, e os Profissionais de Educação, convocados pela Portaria nº 781.

 

A segunda etapa para posse continua amanhã, 12, das 8h às 12 horas, deverão ser entregues, para habilitação à posse, os seguintes documentos: cópia do comprovante da escolaridade exigida para ocupar o cargo e exercer a função de nomeação (diploma e/ou certificado); cópia do título de eleitor e comprovação de estar quite com as obrigações eleitorais (eleição 2012);

 

Cópia do certificado de reservista das forças armadas, em caso de candidato do sexo masculino; declaração, formulário disponível no local, que não ocupa cargo, emprego ou função pública e não acumula proventos de aposentadoria pago por previdência pública federal, estadual ou municipal;

 

Declaração, formulário disponível no local, de não ter sido demitido por justa causa por órgão ou entidade da Administração Pública federal, estadual ou municipal, nos últimos cinco anos; certidões passadas pela Justiça Estadual e Federal, observando o domicílio do candidato, de não possuir condenação criminal com trânsito em julgado, nos 5 (cinco) anos anteriores à data de abertura do concurso (em 30.08.2011);

 

Declaração de bens, conforme modelo disponível no local, ou cópia da declaração anual apresentada à Receita Federal do Brasil (ano calendário 2012); boletim de inspeção da junta de perícia médica, atestando que o candidato goza de boa saúde física e mental; cópia do documento de identidade (RG); cópia do documento de registro no órgão de fiscalização profissional, para os candidatos que vão exercer funções correspondentes a profissões regulamentadas;

 

Cópia da inscrição no Cadastro de Pessoa Física – CPF/MF; indicação do número de cadastramento no PIS/PASEP, se for cadastrado; cópia do comprovante de residência (conta energia, água ou telefone fixo); cópia da certidão de casamento, se for o caso; cópia da certidão de nascimento dos filhos dependentes e outros equiparados; duas fotos 3×4, recente.

 

A posse dos candidatos será no dia 25 de novembro de 2013, das 8h30 às 11 horas para os Agente Comunitário de Saúde e Agente de Vigilância em Saúde, e das 14h as 16h30 para os Profissionais de Educação, devendo o candidato que for requerer prorrogação de posse, protocolar o seu pedido até esta data.

 

Mais profissionais

 

Outros 61 convocados para integrar o quadro de funcionários efetivos da Prefeitura de Corumbá devem entregar os exames clínicos admissionais entre os dias 18 e 21 de novembro. Essas datas estão reservadas para os convocados pelas Portarias 778 e 779, publicadas no último dia 15 de outubro.

 

Os aprovados para os cargos de Analista Contábil, Administração, Analista de Tecnologia de Informação, Assistente Social, Auxiliar de Farmácia, Farmacêutico/bioquímico, Fisioterapeuta, Psicólogo, Profissional de Educação Física e Técnico de Atividades Organizacionais I devem providenciar os exames de RX de Tórax PA, Eletrocardiograma, Hemograma, Glicemia, Tipo e Fator Sanguineo, Ureia, Creatinina, Gama GlutamilTransferase (GGT) e Laudo Avaliação Psicológica.

 

Para os Profissionais de Serviço de Saúde (Cirurgião Dentista, Enfermeiro e Fiscal Vigilância Sanitária), Médico Veterinário e Nutricionista, os exames necessários são: RX de Tórax PA, Eletrocardiograma, Hemograma, Glicemia, Tipo e Fator Sanguineo, Ureia, Creatinina, Gama GlutamilTransferase (GGT), Laudo Avaliação Psicológica, HIV, AntiHBS, VDRL, HBSAg, AntiHBcIgg e AntiHBCIgm.

 

Em todos os exames complementares, além do nome do candidato, deverá constar, obrigatoriamente, a assinatura do profissional e o registro no órgão de classe específico do profissional responsável. A partir da avaliação médica e da avaliação dos exames complementares, o candidato será considerado “apto” ou “inapto” para o exercício do cargo. A não apresentação dos exames implicará na eliminação do cargo.