Seresta especial das crianças atrai pessoas de todas as idades à praça

O projeto “Corumbá das Crianças” foi aberto na noite desta sexta-feira, 11 de outubro, na Praça da Independência, com uma seresta especial dedicada às crianças, e a grande atração foi a cantora Miriam Brenda, a Violeira do Pantanal, que encantou não só os pequenos, mas também os adultos que lotaram a praça.

 

Presente ao evento, a diretora-presidente da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico, primeira dama Maria Clara Scardini, idealizadora do programa, se emocionou com a realização. “A abertura foi um sucesso. A seresta trouxe à Praça da Independência, o que todos nós queríamos, que são as crianças corumbaenses. E esperamos que amanhã (hoje) elas estejam também presentes ao show da Turma da Mônica”, convidou.

 

O prefeito Paulo Duarte também estava eufórico com a realização do Corumbá das Crianças. Elogiou a equipe que organizou a festa que veio justamente para atender as crianças, algo que faltava na cidade. “Temos o carnaval, o São João, o festival de pesca e diversos shows, mas nada em especial para as crianças. Por isso resolvemos criar o Corumbá das Crianças para marcar essa data, criando algo que seja voltado para elas”, disse, observando o grande número de adultos que aproveitaram a noite para levar sés filhos a um belo show, só das crianças. Hoje, a atração é a Brenda, a Violeira do Pantanal. Amanhã, sábado, será a Turma da Mônica”, ressaltou.

 

Presente também à seresta, a diretora-presidente da Fundação de Cultura, a vice-prefeita Márcia Rolon, afirmou que o evento atingiu todas as expectativas. “Apesar da garoa da tarde, o público compareceu. E o mais interessante é que as crianças vieram para o jardim o que mostra que atingimos nosso objetivo”.

 

A festa

 

E com a praça cheia, Brenda iniciou o seu show. Mostrou toda sua habilidade, trocando de instrumentos e encantando o público tanto com a viola como também com a sanfona. A pequena corumbaense ficou mais feliz ainda com o assédio. “Acredito que esse interesse que as crianças tem, ao me ver tocando estes instrumentos, pode fazer com que elas também se interessem pela música e pela nossa cultura”, explicou.

 

Para a Violeira do Pantanal, fazer uma apresentação em um evento dedicado às crianças, foi maravilhoso. “Estar tocando no meio delas foi algo incrível, ainda mais vendo o carinho que elas têm por mim”, disse emocionada.

 

Maria da Silva levou seus três filhos para que assistir ao show. “Nunca vi meus filhos tão encantados com alguém, ainda mais porque ela trocou de instrumentos várias vezes. Ela realmente é muito boa e o melhor é que tocou músicas regionais”, comentou.

 

A seresta atraiu também turistas que estavam de passeio pela cidade. A maioria aproveitou para levar os filhos, caso da Maria Teresa dos Santos, de Ponta Porã, que está passando o feriado na cidade. “Quando fiquei sabendo desse evento, arrumei as crianças e trouxe os três para que elas se divirtam um pouco. A minha menor, a Maria Luiza, está encantada com a cantora, e é muito ver ela se interessar por músicas que são da terra”, explicou Maria que visita a cidade pela segunda vez.