Sensibilização para fortalecimento turístico chega a professores da REME

Após frentistas, garis, agentes da segurança pública (PM, Polícia Civil, Guarda Municipal), empresários de diversos setores do trade turístico, a estratégia de sensibilização, promovida pela Fundação de Turismo do Pantanal, chega aos professores da REME (Rede Municipal de Ensino) em Corumbá.

 

Durante o encontro, os professores são esclarecidos quanto ao papel que possuem para disseminar a importância da recepção dos turistas, além da relevância do turismo como setor indutor da economia na cidade com seus produtos e atrativos.

 

“Falamos sobre como aquele setor contribui para o segmento turístico a fim de criarmos uma sinergia positiva para a recepção de quem nos visita. Trabalhamos de forma lúdica mostrando muitos vídeos, muitas coisas que não chegam às pontas”, explicou a diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, Hélènemarie Dias Fernandes, ao citar o vídeo institucional da cidade e trabalhos publicitários aqui realizados, e que circulam em âmbito nacional mostrando nossas belezas, como é o caso de uma das linhas de móveis.

 

Ela destaca ainda que, ao tomar ciência da contribuição para o desenvolvimento da cidade pela via turística, cada setor descobre-se como parte integrante de uma engrenagem que agrega valores, sendo o primeiro deles, o sentimento de pertencimento.

 

“As pessoas conseguem se reconhecer ali porque reconhecem o seu espaço, acabamos apropriando-os, criando esse sentimento e explicando a cadeia produtiva do turismo de forma bastante lúdica porque muitos não percebem seu papel dentro desse mecanismo”, comenta ao esclarecer que a ação de sensibilização propõe ampliar a visão sobre o turismo. “Explicamos o papel de cada um não apenas como agente informativo, mas como oportunidade de renda”, frisou ao comentar que o turismo dentro da gestão do prefeito Paulo Duarte é posto como um dos principais vetores de desenvolvimento.

 

“As pessoas querem o turismo e por isso nosso esforço de sensibilizar, trazer qualificação, melhorar a oferta para que, cada vez mais, a gente receba um número maior de turistas. O mercado está extremamente aquecido. É um tripé: sociedade, empresariado e Poder Público”, avaliou a gestora.

 

As sensibilizações foram uma das primeiras ações realizadas pela Fundação de Turismo do Pantanal ainda no início deste ano. A projeção, à época, era que os encontros atingissem até ao final do ano cerca de 1500 pessoas, porém esse número deve ser superado, segundo estimativas da própria Fundação que expandiu as ações devido à boa receptividade dos setores. Até o mês de setembro, a sensibilização já atingiu 1278 pessoas em diversas áreas da sociedade.