Prefeitura entrega alimentos arrecadados com o “Corumbá Crianças”

O “Corumbá das Crianças” já passou, mas o saldo positivo que este evento trouxe para a cidade pode ser visto na manhã desta terça-feira, 22, com a entrega de 728,585 quilos de alimentos não perecíveis a três instituições filantrópicas, escolhidas pela Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico da Prefeitura Municipal, para serem beneficiadas.

 

Alimentos como arroz, feijão, açúcar, macarrão, farinha, óleo, entre outros, foram doados para serem utilizados no preparo das refeições de crianças, adolescentes, homens e mulheres atendidos pelo Centro Evangélico de Recuperação Deus é Amor, “Projeto Cerda”, Casa de Massa Barro e Lar Ismael. Foram escolhidas as instituições que possuem dificuldade de receber algum tipo de benefício.

 

A primeira instituição a ser visitada pela primeira dama Maria Clara Scardini, diretora-presidente da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico; pela secretária de Assistência Social e Cidadania, Andréa Ulle, e equipes da Prefeitura de Corumbá, foi o “Lar de Ismael”, mantido pela União Espírita Corumbaense há 67 anos.

 

No local, são oferecidos capacitação pessoal e serviços sociais à comunidade carente do bairro Dom Bosco. “É uma satisfação e um prazer imenso receber esses alimentos, porque vai ajudar muito o dia a dia do nosso trabalho, que é ajudar as famílias do bairro”, disse Vitória Tereza Costa da Silva, diretora do Lar Ismael.

 

Destinada a trabalhos em cerâmica para estimular crianças e jovens carentes pelo gosto do artesanato local, a Casa do Massa Barro, associação que existe há 31 anos em Corumbá, finalidade de inclusão social da comunidade do bairro Cervejaria, foi o segundo local beneficiado.

 

“É uma grande satisfação está recebendo esse benefício, que vai dar um suporte alimentar para as 20 famílias que aqui frequentam”, declarou o vice-diretor da instituição, Ricardo de Moraes Fernandes.

 

O último local a ser visitado foi o “Projeto Cerda”, uma casa que trabalha na recuperação de família no enfrentamento à dependência química. No local, vivem 50 pessoas, entre homens, mulheres e crianças, que para ajudar nas despesas da casa, vendem desinfetante todos os dias na cidade.

 

“Não tenho palavras para agradecer vocês, pois aqui vivemos pela fé. Isto tudo é uma benção grande de mais”, declarou a irmã Zuleide Gonçalves de Lima, coordenadora do projeto.

 

Para Maria Clara Scardini, o resultado do projeto “Corumbá das Crianças”, que levou lazer e diversão para o público infantil no último dia 12, foi surpreendente. “O alimento era uma doação espontânea, mas você vê que a população gosta e quer ajudar. E este é o resultado de uma ação, que foi voltada para as crianças, dentro do programa da Prefeitura de Corumbá”, destacou a presidente da Fuphan, celebrando a arrecadação de quase uma tonelada de alimentos.