Estado terá seis corumbaenses na Conferência de Assistência Social

Prevista para ser realizada no mês de dezembro em Brasília, a 9ª Conferência Nacional de Assistência Social terá na delegação que representará o estado de Mato Grosso do Sul seis corumbaenses. Do total de trinta e dois delegados, a cidade pantaneira conseguiu eleger, além dos seis titulares, dois suplentes.

 

Realizada a cada dois anos, a Conferência Nacional é a culminância de discussões realizados em esferas municipais e estaduais. O objetivo é analisar, propor e deliberar, sobre diretrizes para gestão e financiamento do Sistema Único da Assistência Social (SUAS), reconhecendo a corresponsabilidade de cada ente federado.

 

“O bom desempenho de Corumbá na etapa estadual, demonstra que as conferências como espaço de discussão de avanços e proposição de novas conquistas, está na agenda, não só da administração pública, mas dos usuários, entidades e trabalhadores da área que participam dessa construção conjunta”, disse a secretária municipal de Assistência Social e Cidadania, Andréa Cabral Ulle, eleita como representante governamental e que será a única gestora de assistência social do grupo sul-mato-grossense que segue para a capital federal no final do ano.

 

Também foram eleitos como membros titulares: a assistente social Bruna Maria Moraes Cola, pela área governamental; Franklin Melo (Aclaud) e Ronaldo Pereira Viana (Associação de Moradores do Bairro Nova Corumbá), pela sociedade civil; das entidades prestadoras de serviço, Leda Maria Assad Arguello (APAE); e representando profissionais da área, Ademir Nunes Benevides. Como suplentes: Aurice de Barros Romero (governamental) e Lindivalda Gonçalves dos Santos (sociedade civil organizada).

 

A Conferência Estadual aconteceu nos dias 17 e 18 de outubro na cidade de Campo Grande e discutiu temas como os rumos do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), os avanços obtidos na gestão e financiamento do SUAS, além da proposição de estratégias e diretrizes para o seu aprimoramento.