Banco de Oportunidades já está atendendo trabalhador corumbaense

Lançado no início de outubro pelo prefeito Paulo Duarte, por meio do decreto municipal 1.255/2013, o Banco de Oportunidades Municipal (BOM – Pantanal) já está beneficiando a classe trabalhadora corumbaense. Em menos de um mês, 36 profissionais capacitados no Centro de Qualificação para o Trabalho Dom Bosco, e incluídos no banco de dados do BOM, foram inseridos no mercado de trabalho.

 

“São pessoas que estão entrando ou mesmo retornando ao mercado de trabalho, após passar por capacitação no Centro de Qualificação. Estamos tendo uma boa procura pelo BOM – Pantanal e a tendência é aumentar ainda mais nos próximos dias”, explica o gerente de Trabalho e Qualificação Profissional da Casa da Cidadania da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, Dílson Antônio Morais da Fonseca.

 

O primeiro levantamento realizado pela Prefeitura apontou que 12 pessoas foram inseridas no mercado de trabalho na profissão de pintor; oito cabeleireiras; duas manicura e pedicura; oito padeiros (sendo seis em Corumbá e dois em ladário), além de seis profissionais na área de solda e montagem.

 

“São pessoas que já estavam inseridas no banco de dados do BOM – Pantanal e a tendência é que procura aumente nesse final de ano, tanto nas áreas que precisam de profissionais para reforma, como pintor e pedreiro, como também nas demais áreas, onde temos um grande número de cadastrados”, disse Dilson.

 

O gerente lembra que, a partir da parceria estabelecida pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, com a Missão Salesiana, o Centro Dom Bosco já permitiu formar mais de dois mil trabalhadores.

 

Hoje, estão cadastrados 130 na área de panificação e confeitaria; 144 na de salgados; 29 corte e costura básico; 17 corte costura industrial; 145 solda e montagem, 43 informática básica; 12 costureiro; 05 customização e reciclagem de vestuário; 27 operador de supermercado; 15 mensageiro – office boy; 234 libras básico; 246 secretariado; 325 manicura e pedicura; 126 serigrafia; 167 cabeleireiro; 38 marceneiro; 36 na área de técnicas de recepção de hotel; 36 maquiador profissional; 30 pintor de obras; 54 armador de estrutura metálica, e 87 pedreiro de revestimento de argamassa.

 

“São pessoas que estão cadastradas desde o primeiro ano de funcionamento dessa parceria, mas que precisam atualizar os dados. É preciso que eles procurem o BOM – Pantanal e façam parte desse banco de dados”, solicita o gerente, lembrando que há muita dificuldade em contatar pessoas formadas anteriormente, principalmente pelo fato de mudança de número de telefones.

 

“É preciso atualizar os dados. A grande dificuldade são os celulares que, na maioria das vezes, não estão mais com aquelas pessoas, ou não atendem mais”, reforça, lembrando que, em breve, o currículo será disponibilizado na site da Prefeitura Municipal – www.corumba.ms.gov.br .

 

Mas, quem desejar fazer seu cadastro, pode procurar o BOM – Pantanal que funciona no Centro Dom Bosco, na Ra 13 de Junho, 2660, Bairro Dom Bosco. Maiores informações podem ser obtidas também pelo telefone 3907-5322.