Festival de Pipas envolve família na conscientização contra o uso do cerol

Mais de 250 crianças participaram nesse sábado (7) do I Festival de Pipas de Corumbá, evento promovido pela Prefeitura de Corumbá, por meio da Fundação de Esportes (Funec). O campo da Esplanada da Nob ficou lotado de filhos e pais unidos pela diversão e conscientização contra o uso do cerol. “Aqui na cidade essa prática é proibida pela Lei 3436”, explicou o bombeiro Gilson Gonçalves, durante uma rápida palestra que abriu o evento.

 

O prefeito Paulo Duarte também destacou a importância do envolvimento familiar contra as linhas cortantes. Buscamos resgatar e colocar algumas brincadeiras que são insuperáveis e divertidas. “Vamos ter esse Festival todos os anos e não só uma vez por ano, queremos mais edições dentro, para que tenham a liberdade dessa brincadeira sabendo dos cuidados em não usar o cerol”, afirmou.

 

A utilização de vidro na linha das pipas resulta em apreensão do material e multa de quase R$ 300. “Ninguém ganha com o uso do cerol, pelo contrário. Isso pode trazer sérios problemas para quem usa ou para quem nada tem a ver com isso, como motociclistas, ciclistas ou mesmo pedestres”, enfatizou Elvécio Zequetto, diretor-presidente da Fundação de Esportes de Corumbá.

 

Não ao cerol foi o recado também usado na pipa, ou pandorga, como é muita chamada nessa região de Mato Grosso do Sul, de Teodoro Soares Luque. “Isso é proibido lá em casa. Sempre foi”, comentou Rosangela, avó do menino de apenas 9 anos, residente no bairro Popular nova. Para a pequena Vitória Giovana, 7 anos, a alegria foi ver a pipa no ar, sustentada apenas pela força do vento.

 

“Ela aprendeu n sexta-feira porque queria muito vir aqui”, disse o pai da menina, que abriu mão de descansar no feriado nacional para se divertir com a filha. Todos os 250 inscritos voltaram para a casa com brindes. A Prefeitura ainda premiou a maior, a menor, a mais bonita e a mais engenhosa pipa inscrita no Festival.

 

Pedro Lucas da Silva ganhou apresentou o menor brinquedo na categoria de 7 a 9 anos. Na de 10 a 12, o título foi para Kevin Ravier. Pablo Márcio de Lima, entre os menores, e Cleber Junior de Oliveira, entre os maiores, apresentaram as maiores pandorgas. Vitória Geovana Cunha e Carlos Henrique Coelho ganharam como mais bonita.

 

Renan Nascimento da Silva e Danilo Arruda da Silva foram premiados como donos das pipas mais engenhosas. Weidner Eduardo levou o videogame Playstation 2 no sorteio.