S.S.C.H. comemora 105 anos de ações humanitárias por Corumbá

A Seleta Sociedade Caritativa e Humanitária (SSCH) celebrou nesta sexta-feira (02) seu 105º ano de atuação em Corumbá. Fundada em 02 de agosto de 1908 no Bairro da Cervejaria, pelo escritor e poeta Mário Feitosa Rodrigues (patrono da sociedade) e por um grupo de amigos, a SSCH é uma instituição destinada a difundir a instrução e propagar os princípios morais que regem a civilização e que pregam a solidariedade humana.

 

Ao longo desses anos, a entidade solidificou sua imagem graças aos inúmeros projetos sociais realizados, que deram a milhares de pessoas a oportunidade de uma vida mais digna, no campo da assistência social, educação, reabilitação e desenvolvimento cultural, bem como na formação profissional de jovens para ingresso no mercado de trabalho.

 

O evento lotou a sede da instituição e o presidente da SSCH do quadro Corumbá, Silvino Rodrigues Ribeiro, diplomou o departamento feminino pelos relevantes serviços e dedicação a SSCH. “Estamos diplomando as sete mulheres que estiveram à frente do departamento desde 1992”, comemorou.

 

A cerimônia foi realizada na sede da instituição localizada na Rua Silva Jardim, 395, e contou com as presenças dos presidentes de quadros de outras cidades, dos antigos presidentes, do prefeito Paulo Duarte, que estava acompanhado do deputado estadual Osvane Ramos.

 

Em seu discurso o prefeito Paulo Duarte lembrou do vínculo que a sua família tem com o SSCH. “O meu avó, Francisco José Duarte, foi um dos percussores do SSCH. Por isso me sinto em casa e comemorar esses 105 anos são de extrema importância, principalmente nesses momento em que estamos vivendo, onde a epidemia do mundo são as drogas e nós precisamos de entidades como SSCH, que tem um papel importante nos dias de hoje, porque se tivermos entidades como essa teremos menos problemas com o consumo de droga. O poder publico não consegue conter isso sozinho, por isso precisamos e queremos o apoio de instituições como o SSCH, que nos ajudam muito”.

 

O deputado estadual Osvane Ramos, ressaltou os princípios da instituição. “É muito bonito esse trabalho que a SSCH realiza e principalmente que tenha como alicerce, a família que é a base de tudo. E é disso que precisamos”.

 

Adair Paes da Silva, presidente nacional da SSCH, lembrou ainda é preciso pregar e praticar a fraternidade entre os associados sem distinção de raça, cor, classe social, nacionalidade, crença política ou religiosa.

 

“É preciso manter nosso coração sob a luz da fraternidade para reconhecermos que somos irmãos e filhos do mesmo Criador Supremo. E assim seguir em frente, lado a lado, com os companheiros que encontramos e ainda vamos encontrar pelo caminho”.

 

Silvino Rodrigues Ribeiro, presidente do quadro Corumbá, se diz muito feliz em poder comemorar os 105 anos de histórias e ações humanitárias realizadas na cidade.

 

“Ao longo de sua existência, a SSCH vem cumprindo o papel idealizado por seus fundadores, mediante ações direcionadas aos menos favorecidos visando diminuir as desigualdades sociais, participando e apoiando iniciativas de entidades e clubes de serviços, entre os quais evidenciamos a Prefeitura Municipal de Corumbá”, disse Silvino.