Prefeitura define detalhes para coleta de resíduo na Manga e no Lontra

A Prefeitura de Corumbá está finalizando os detalhes para iniciar a coleta de resíduos nas regiões do Porto da Manga e também no Passo do Lontra, na Estrada Parque Pantanal Sul. A informação é do secretário de Infraestrutura, Habitação e Serviços Públicos, Luiz Mário Preza Romão, e atende a um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), firmado com o Ministério Público Federal.

 

O secretário informou que a orientação do prefeito Paulo Duarte é para que o serviço seja iniciado em setembro, atendendo dois trechos: do Buraco das Piranhas até Passo do Lontra, e do início da Estrada Parque (trevo da BR 262 – próximo ao Lampião Aceso) até o Porto da Manga.

 

“Estamos fazendo os ajustes, inclusive com a empresa responsável pela coleta de lixo, para definirmos o início, bem como em quais dias as duas comunidades serão atendidas. Mas, de antemão, podemos adiantar que, por orientação do prefeito, o serviço será feito nos dois trechos e não apenas nas duas localidades”, ressaltou Luiz Mário.

 

O secretário lembrou ainda que os serviços de coleta de resíduos nas duas localidades somente não foram iniciados antes devido a questões legais. “O contrato com a empresa responsável está completando um ano agora, em agosto, e tínhamos que aguardar este período para ampliar os serviços, atendendo a legislação”, explicou. “Agora, com este prazo cumprido, estamos fazendo adequações, para atender as comunidades, não só do Porto da Manga e do Passo do Lontra, mas também dos dois trechos, contribuindo assim, para minimizar danos ambientais provocados pelo lixo”.

 

Luiz Mário observa que, atualmente, a Prefeitura já atende algumas localidades na zona rural com a coleta de resíduos. São os casos do Distrito de Albuquerque e também da no Morrinho, na região da ponte sobre o Rio Paraguai. Conforme ele, no retorno de cada deslocamento para Albuquerque e Morrinho, a equipe aproveita para fazer a coleta de resíduo também na entrada do Urucum, atendendo a Escola Carlos Cárcano, a unidade de saúde, além da comunidade que reside na área de entorno.