Prefeito garante funcionamento do Centro de Oncologia de Corumbá

Corumbá não vai ficar sem o seu Centro de Oncologia. A garantia é do prefeito Paulo Duarte que, no início da manhã desta sexta-feira, 12, se reuniu com usuários dos serviços no auditório da Prefeitura Municipal. “Vim exclusivamente aqui, para comunicar a todos vocês, que a Oncologia não vai fechar como estão dizendo por aí”, disse, taxativo.

 

O encontro com os usuários dos serviços de oncologia em Corumbá foi agendado pela Prefeitura por meio da da vice-prefeita Márcia Rolon e pela Secretaria de Saúde. Acompanhado de Márcia e da secretária Dinaci Ranzi, o prefeito participou da abertura da reunião e criticou severamente as pessoas que estão anunciando o fechamento do setor.

 

“Existem pessoas que estão usando a saúde pública para fazer politicagem, que querem usar a saúde como trampolim político. Isto nós não vamos permitir. Enquanto eu for prefeito de Corumbá, a cidade não ficará sem o seu Centro de Oncologia”, afirmou.

 

O prefeito explicou que houve um atraso no repasse de verbas, mas que isto não seria motivo para paralisação dos serviços. “Era para ser feito o repasse na sexta-feira passada. Por problemas administrativos, isto aconteceu na quinta-feira”, informou. “No ano passado teve atraso de dois meses e o serviço não parou e não vai parar nem agora, nem nunca, enquanto eu for prefeito”, reforçou.

 

Paulo lembrou que a Prefeitura faz o repasse de verbas para o Hospital de Corumbá que, por sua vez, faz o repasse ao Centro de Oncologia, para custear os serviços. O recursos é oriundo dos governos Federal (R$ 985 mil), Estadual (R$ 228 mil) e Municipal (R$ 409 mil). A verba do Município teve um aumento de R$ 167 mil. Antes, era repassado mensalmente, R$ 242 mil.

 

Na reunião com os usuários dos serviços de oncologia, o prefeito e a equipe da Secretaria de Saúde fizeram uma explanação sobre o que está sendo feito para o setor, de uma forma geral, no sentido de melhorar o atendimento à população. Paulo foi categórico ao afirmar que existem problemas na saúde pública não só em Corumbá, mas em todo o País.

 

“Estamos trabalhando para mudar isto. Estamos fazendo tudo para deixar bem. Vocês que precisam dos serviços, terão sempre o nosso respeito. O serviço não vai parar”, reafirmou, lembrando que, quando deputado estadual, participou ativamente do processo de implantação do Centro de Oncologia, serviço apontado por ele como essencial na cidade.

 

“Querem fazer política, falem do prefeito. Não usem outras coisas para fazer politicagem. Não usem a saúde como trampolim político. A saúde já era para estar melhor se isto não estivesse ocorrendo”, acentuou, fazendo um pedido às pessoas presentes ao encontro; “Se tiverem qualquer dúvida, problemas, nos procurem. A Prefeitura está aberta para atender todos vocês”, concluiu.