Mesmo com frio, abertura do São João atrai 6 mil pessoas ao Porto Geral

Nem mesmo a baixa temperatura, de 16 na noite desta sexta-feira, 21, fez com que o público deixasse de prestigiar a abertura do Arraial do Banho de São João. Seis mil pessoas foram ao Porto Geral conferir as atrações da primeira noite e saborear comidas típicas que estão sendo vendidas nas cem barracas que estão distribuídas ao longo da Rua Manoel Cavassa.

 

Com chapéus na cabeça, trajes típicos, vestidos rodados e muita animação, o concurso de quadrilha animou os presentes, as Escolas Municipais Ângela Maria Perez, Clio Proença e Otacílio Faustino da Silva disputaram o título de campeã competindo nas seguintes categorias: quadrilha, caracterização, marcador e noivos.

 

O troféu de primeiro lugar ficou para a Escola Municipal Ângela Maria Perez, com 118,5 pontos. A escola Clio Proença ficou em segundo lugar, com 103,5 pontos, e Octacílio Faustino da Silva, com 98 pontos, ficou em terceiro.

 

Logo em seguida foi à vez do concurso de andores, que reuniu 20 festeiros que escolheram um tema e enfeitam seus andores com fitas, flores, velas e diversos adornos ornamentais.

 

Eles foram avaliados pela criatividade (concepção utilizada para enfeitar o andor de São João); adereços (escolha dos materiais e objetos que compõem o cenário criativo do andor em julgamento) e originalidade (simplicidade e graça associada aos materiais e à linguagem escolhida para enfeitar o andor).

 

Os dois concursos foram avaliados por uma comissão julgadora formada por pessoas ligadas aos segmentos da arte e cultura, que vieram participar da Conferência Intermunicipal de Cultura. As notas foram de 5 a 10 e como premiação em primeiro lugar o festeiro recebe R$ 800, o segundo R$ 500 e o terceiro R$ 300.

 

O festeiro Alfredo Ferraz ganhou pela sexta vez este ano. Ele apresentou o tema “Banho de São João” e disse que por pouco na participou do evento. “Como minha avó faleceu uma semana atrás, e era ela que fazia a decoração do nosso andor, ficamos meio sem rumo. Mas eu decidi manter também essa tradição e em uma semana fizemos esse belíssimo trabalho”, disse o festeiro.

 

Os shows locais prepararam o público para a grande atração da noite, Paulo Simões que trouxe as belezas das Violas Pantaneiras e animou os presentes.