Exposição fotográfica vai contar a história da América do Sul no Festival

As fotografias do jornalista e fotógrafo sul-mato-grossense Marco Miatelo darão início à abertura das exposições fotográficas no 10º Festival América do Sul, que acontece de hoje até domingo, 5 de maio, em Corumbá.

 

A exposição América do Sul: Paisagens e Fragmentos, que abre as mostras fotográficas do Festival, acontece nesta quarta-feira (1º) no Centro de Convenções do Pantanal de Corumbá Miguel Gómez, às 20 horas.

 

O fotógrafo de 27 anos registrou durante sua expedição cerca de 10 mil imagens. Para a mostra foram selecionadas fotografias que retratam hábitos, costumes, paisagens, o povo e as belezas naturais e da cultura de cinco países sul-americanos. As paisagens e fragmentos mostram a particularidades dos países como a Bolívia, Peru, Chile, Argentina e Paraguai.

 

Além dos povos da região o fotógrafo traz para a mostra as paisagens deslumbrantes na Bolívia, como o Deserto de Sal; no Chile, como Deserto do Atacama, e no Peru, como a Ilha Flutuante de Uros, o maior e mais alto lago do mundo, o Titicaca. Um dos destaques da exposição fica a cargo das belezas de Machu Picchu, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno.

 

O 10º Festival América do Sul acontece entre os dias 1º e 5 de maio, na cidade de Corumbá e conta com patrocínio da Petrobras, governo federal, Banco do Brasil, Sebrae, Vale e Andorinha. É realizado pelo governo do Estado, em parceria com a Prefeitura de Corumbá e o Instituto Moinho Cultural Sul-Americano. (Assessoria do FAS)