Unidades estarão prontas para atender casos suspeitos de dengue

Em caso de suspeita de dengue, procure imediatamente atendimento médico. A recomendação é do prefeito Paulo Duarte, que apontou as Unidades Básicas de Saúde (UBS) como melhor alternativa para as pessoas que apresentem os sintomas da doença. “Esse diagnóstico deve ser feito nos postos. Só devem procurar o Pronto Socorro os casos mais graves”, solicitou o chefe do Executivo municipal.

Prefeitura e Marinha vão montar postos de atendimento nos bairros mais afetados caso a doença avance à epidemia. “Isso vai possibilitar que o paciente receba atendimento de forma mais rápida e próxima da sua casa. Também vamos disponibilizar 20 leitos da Santa Casa com esse objetivo”, anunciou o prefeito nesta quarta-feira (09), quando apresentou os dados do primeiro LIRAa (Levantamento de Índice Rápido de Infestação de Aedes aegypti) de 2013.

A média de infestação na cidade ficou na casa dos 9,5%, considerado de alto risco. Só na primeira semana desse ano, cinco casos suspeitos foram notificados em Corumbá. “Os números são preocupantes. Por isso não podemos trabalhar apenas torcendo para que nada aconteça. Temos que atuar de forma efetiva”, complementou Paulo Duarte, destacando o apoio recebido das Forças Armadas.

“O Exército já está auxiliando no trabalho de combate a dengue e a Marinha sinalizou que vai disponibilizar de 30 a 40 homens para somar nessa tarefa”. Mais uma vez, o prefeito reiterou a necessidade da comunidade também se engajar nessa questão. “Vamos trabalhar muito forte na questão da conscientização. A população precisa entender que esse é um problema sério e que não podemos enfrentá-lo novamente no ano que vem”, afirmou.