Carnaval é opção de renda extra para trabalhador corumbaense

A Fundação de Cultura de Corumbá realizou na tarde de quarta-feira (23) o sorteio dos espaços para os comerciantes que vão trabalhar durante todas as noites do Carnaval Cultural. A maior festa carnavalesca do Mato Grosso do Sul é uma boa oportunidade para os corumbaenses faturarem uma renda extra neste início de ano. O grande fluxo de pessoas ao longo do Circuito Oficial e no Jardim da Folia ajuda a movimentar a economia local e gera vários empregos temporários.

 

“Na minha barraca vamos trabalhar com três ou quatro pessoas, dependendo do movimento. Sou eu, minha esposa, o filho e a nora”, afirmou Valdir Santos Rodrigues, 62 anos, um dos sorteados para atuar na Praça de Alimentação. “Tem mais de 20 anos que trabalho no Carnaval. Se a gente fizer nossa parte certinha, dá para tirar um bom dinheiro”, comentou o morador do bairro Popular Velha. É nisso que aposta Sebastiana Aparecida Domingos Medina, de 36 anos.

 

“É a primeira vez que vou trabalhar no Carnaval. Vou vender espetinho, cachorro quente, lanches e suco natural”, revelou. Dona de uma lanchonete no bairro Cristo Redentor, ela espera recuperar na avenida o faturamento perdido neste início de ano. “Em janeiro é sempre assim, diminuiu bastante o movimento”. No estande dela estarão o marido, um funcionário da lanchonete e mais um ajudante. “A expectativa é a melhor possível. Estou bastante otimista”, afirmou a micro empresária.

 

Também estreante na Praça de Alimentação, Patrícia Pereira de Oliveira, 22 anos, é outra que vai levar toda a família para ajudar no trabalho. “Tem que por todo mundo para ralar”, brincou a jovem, que no ano passado atuou como vendedora ambulante. “Esse ano vamos levar bobó de peixe, caldo verde e espetinho americano. Se o tempo colaborar e não chover, acredito que vamos vender tudo”, projetou. A Prefeitura distribuiu 70 barracas, divididas em três diferentes setores, e mais 160 espaços para ambulantes.

 

Todos os contemplados são obrigados a participar de todo o curso de capacitação em manipulação de alimento, oferecido pela Fundação de Turismo nesta quinta e sexta-feira. A venda ou cedência dos espaços é totalmente proibida. A lista completa dos sorteados será divulgada pela Fundação de Cultura após a conclusão da qualificação.