Encontro debate propostas para macrorregião de Corumbá e Ladário

Gestores e técnicos das Secretarias Municipais de Saúde de Corumbá e Ladário participaram nesta terça-feira (17) do Encontro Integrado da 4ª Macrorregião de Saúde de Mato Grosso do Sul. Durante a reunião, realizada no auditório da Casa dos Conselhos, foram apresentados os informes e debatidas as homologações e solicitações que envolvem os dois municípios na área da Saúde Pública.

 

“Esse agora é um fórum intermediário. O que foi colocado aqui já foi aprovado pelos Conselhos Municipais de Saúde respectivos e a partir do momento que for aprovado pela comissão, que é formada pelos técnicos e secretários municipais, será colocado para a CIB (Comissão Intergestora Bipartite), um fórum em nível de secretários de Saúde”, detalhou a secretária de Saúde de Corumbá, Maria Antonieta Silva Sabatel.

 

A partir da aprovação da CIB, as medidas conjuntas serão pactuadas e serão abertas as portarias que referendarão esses pedidos e solicitações para a região. Esta é a segunda vez que os gestores dos dois municípios discutem essa macrorregionalização da Saúde. “A primeira foi só da posse dos dois municípios como macrorregião. Essa é a primeira reunião técnica”, continuou Antonieta.

 

Já homologada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), a 4ª Macrorregião de Saúde permite um reconhecimento mais profundo da região. “Antes nós íamos para a CIR (Comissão Intergestora Regional) de Campo Grande, que tem mais de 18 municípios envolvidos. Hoje não. Nossa região é vista mais de perto, sob a realidade, o perfil e a interface de Corumbá e Ladário”, complementou a secretária de Saúde.

 

O coordenador estadual de Controle, Avaliação e Auditoria da Saúde, Wagner A. Silva, participou do encontro, onde elencou todos os aspectos que permitiram a criação da quarta macrorregião do Estado. Ele destacou os investimentos realizados na Atenção Básica e na Média Complexidade de Corumbá e na perspectiva de crescimento da Alta Complexidade.