Oficina Tela Brasil ensina técnicas de cinema a jovens de Corumbá

Ensinar jovens de comunidades de baixa renda a produzir e a contar suas próprias histórias, essa é a idéia da Oficina Tela Brasil, idealizada pelos cineastas Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi (realizadores dos filmes O Bicho de Sete Cabeças, Chega de Saudade e As Melhores Coisas do Mundo). As inscrições estão abertas a partir desta quarta-feira (20). A oficina, que ensina técnicas de cinema gratuitamente, será ministrada em Corumbá entre os dias 28 de julho e 07 de agosto. Em quatro anos de atividade, a Oficina Tela Brasil já passou por 78 cidades e acumula 1690 alunos.

 

O curso, patrocinado pela Fundação TelefonicaIVivo, é realizado em parceria com a Prefeitura de Corumbá por meio da Fundação de Cultura e Turismo do Pantanal e Secretaria de Educação. Vai acontecer no Museu de História do Pantanal e no Centro de Convenções do Pantanal de Corumbá Miguel Gómez.

 

Durante onze dias, os alunos aprenderão técnicas de edição, roteiro, direção e produção e ainda produzem curtas-metragens, que serão exibidos em sessão aberta ao público no dia 11 de agosto, um sábado, no Centro de Convenções. A exibição será acompanhada de perto por um profissional do cinema, que divide com os jovens suas experiências no mercado audiovisual.

 

Os interessados em participar da oficina têm até o dia 17 de julho para preencher ficha de inscrição no Museu de História do Pantanal, na Superintendência de Turismo, na Superintendência de Cultura e na Secretaria Municipal de Educação ou ainda pelo Portal Tela Brasil (www.telabr.com.br), até o dia 24 de julho.

 

Os interessados devem colocar, na ficha de inscrição, uma história que gostariam de contar/gravar. Serão selecionados vinte jovens a partir de 14 anos. Para garantir a presença dos alunos, cada um recebe uma ajuda de custo para transporte e pesquisa no valor de R$ 10 por dia.

 

Dezenas dos vídeos produzidos nas Oficinas Tela Brasil foram premiados em importantes festivais, como o Tia Dita (20º Festival Internacional de Curtas de São Paulo; VIII Festival Araribóia em Niterói e 16ª edição do Vitória Cine Vídeo, em Vitória); Pão com mortadela e meia mussarela (19º Festival  de Curtas de São Paulo, Goiânia Mostra Curtas, Visorama 3, Festival Visões Periféricas e CineCufa 2009); Dr. Poporowiscky (4º Festival de Jovens Realizadores de Audiovisual do MERCOSUL e Festival CineCufa); além disso, 32 dos 161 vídeos selecionados para o CineCufa – Festival Internacional de Filmes de Periferia (Rio de Janeiro, 2009) são frutos das Oficinas Itinerantes de Vídeo Tela Brasil.

 

“Com uma câmera na mão, esses jovens produzem trabalhos surpreendentes. Nosso maior objetivo é que os alunos usem as Oficinas como uma ferramenta de expressão para que eles contem, por meio do audiovisual, suas histórias e seus sonhos”, fazem coro Luiz Bolognesi e Laís Bodanzky.

 

Portal Tela Brasil – Para ampliar a abrangência das oficinas, foi criado, em parceria com a Fundação Telefônica, um portal (www.telabr.com.br) com conteúdo audiovisual, onde os jovens encontram exercícios virtuais, textos lúdicos sobre as diversas áreas do audiovisual, filmografias, bibliografias e links comentados, informações sobre editais, festivais e concursos.

 

Sobre a Telefônica|Vivo – A Fundação Telefônica|Vivo atua com o fim de contribuir para o desenvolvimento social dos países onde está presente. No Brasil, a instituição foi criada em 1999 e possui linhas de atuação voltadas para o acesso à educação, a melhoria da qualidade educativa e a divulgação do conhecimento. Em 2011, com a fusão entre a Vivo e a Telefônica, a Fundação incorporou os projetos do Instituto Vivo e ampliou sua atuação para todo o país. Para conhecer mais, acesse www.fundacaotelefonica.org.br. 

 

Serviço

 

Oficinas Itinerantes de Vídeo Tela Brasil em Corumbá-MS

Realização: Buriti Filmes

Patrocínio: Fundação TelefonicaIVivo

Coordenação: Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi

 

Inscrições: Gratuitas, até terça-feira (24-07), pelo Portal Tela Brasil (www.telabr.com.br), ou até terça-feira (17-07), nos seguintes locais:

Museu de História do Pantanal

Rua Manoel Cavassa, 275 – Porto Geral – Corumbá – MS

Tel: (67) 3232-0303

 

Superintendência de Turismo

Rua XV de Novembro, 659 – Centro – Corumbá – MS

Tel: (67) 3231-2886

 

Superintendência de Cultura

Rua República da Bolívia, 119 – Casa de Cultura Luiz de Albuquerque

Telefone: (67) 3231-5757

 

Secretaria Municipal de Educação

Rua Gabriel Vandoni de Barros, 01

Telefone:  (67) 3234-3469

 

Aulas

Data: 28-07 a 07-08

 

Local das aulas:

– Museu de História do Pantanal (de 28 a 30-07): Rua Manoel Cavassa, 275 – Porto Geral – Corumbá – MS

 

– Centro de Convenções do Pantanal de Corumbá Miguel Gómez (de 31-07 a 07-08): Rua Domingos Sahib, 570 – Porto Geral – Corumbá – MS

 

Horário das aulas: das 19 às 23 horas de segunda-feira a sexta-feira e das 09 às 18 horas aos finais de semana

 

Exibição dos curtas-metragens feitos pelos alunos do projeto

Data: 11-08

Local: Centro de Convenções do Pantanal de Corumbá Miguel Gómez (Rua Domingos Sahib, 570 – Porto Geral – Corumbá – MS)

Ingressos: grátis (Com informações da Assessoria de Imprensa do Portal Tela Brasil: www.telabr.com.br)