Saúde alerta população sobre importância da vacina contra gripe

Reduzir a morbimortalidade e as internações causadas pela influenza, na população de 60 anos e mais de idade, nos trabalhadores de saúde das unidades que fazem atendimento para a influenza, em crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 2 anos, nas gestantes e nos povos indígenas, são os principais objetivos da campanha nacional de vacinação contra a influenza que acontece em todo o País até o dia 25 de maio.

 

Em Corumbá, os trabalhos estão concentrados em nove unidades de saúde localizadas na área urbana, como também na zona rural com as equipes da Estratégia de Saúde da Família, e na região ribeirinha, por meio de ações como o Povo das Águas.

 

Como se sabe, as infecções respiratórias constituem um conjunto de doenças comumente relacionadas aos idosos e às crianças, sendo o vírus da influenza um dos principais agentes etiológicos, responsável por 75% dessas infecções. A principal intervenção preventiva em saúde pública é a vacina que está sendo disponibilizada nesta campanha que tem contribuindo ao longo dos anos para a prevenção da gripe, além de apresentar significativo impacto para a diminuição das internações hospitalares, mortalidade evitável e gastos com medicamentos para tratamento de infecções secundárias.

 

Postos

 

A vacina pode ser encontrada nas Unidades de Saúde da Família São Bartolomeu, localizado na Rua Pernambuco, s/n, Bairro João de Deus; Ênio Cunha, na Alameda Tamengo. s/n, Bairro Cervejaria; Popular Velha, na Rua Teodomiro Serra, s/n, Bairro Popular Velha; Vitória Régia, na Rua Rio Grande do Sul, s/n, Bairro Cristo Redentor.

 

Estão atendendo também as unidades do Paulo Mayssato, na Rua Cyríaco de Toledo, s/n, Bairro Nova Corumbá; Gastão de Oliveira, na Rua Nossa Senhora da Conceição, s/n, Bairro Maria Leite; Dom Bosco, na Alameda das Laranjeiras, 170, Bairro Dom Bosco; Fernando Moutinho, na Rua Rio Grande do Sul, s/n, Bairro Cristo Redentor, e Centro de Saúde da Ladeira, na Ladeira Cunha e Cruz, s/n, centro.

 

A meta é imunizar 15.426 pessoas. Até o momento já foram vacinadas 4.214, 27,32% do objetivo estabelecido. O grupo com maior índice de cobertura é o das crianças com 908 já vacinadas, 30,51%; seguido dos idosos com 1.805 imunizados, 29,17% de 9.617; gestantes com 291, 19,56% de 1.488, e trabalhadores em saúde com 230 vacinados, 19,33% de 1.190. Já a população indígena será atendida durante ação específica na Aldeia Uberaba, onde vivem os descendentes dos Guatós.