Prefeitura participa de simpósio sobre efeitos das PCHs no Pantanal

A Prefeitura de Corumbá, por meio da Fundação de Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário, participou do “I Simpósio – Efeitos Sinérgicos das Hidrelétricas na Bacia do Alto Paraguai” promovido pela Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), em Campo Grande, nos dias 11 e 12 de maio.

 

A diretora-presidente da Fundação de Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário, Luciene Deová de Souza Assis, atuou como debatedora no evento, que suscitou muitas discussões a respeito da situação atual das Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH’s), instaladas, em estudo ou projetadas para a Bacia Hidrográfica do Alto Paraguai (BAP).

 

O Simpósio reuniu a comunidade técnica-científica-jurídica de várias localidades, em especial dos estados de Mato Grosso do Sul e Mato Grosso.  De acordo com a presidente da Comissão do Meio Ambiente da OAB/MS, Helena Clara Kaplan, o grande número de empreendimentos na região preocupa a sociedade e o simpósio discutiu se há ou não impactos ambientais consideráveis relacionados a esses aproveitamentos hidrelétricos.