Inaugurada, brinquedoteca amplia atendimento a alunos da Apae

 

A Apae inaugurou quinta-feira (17) o espaço físico da brinquedoteca, que será importante para estimular a criança a brincar dentro de um ambiente especialmente lúdico, dando a oportunidade de explorar, sentir, experimentar e extravasar suas emoções mais profundas. Com 72 metros quadrados, o local vai abrigar cerca de 60% dos alunos atendidos pela instituição.

 

A estrutura foi construída com recursos do Fundo de Investimento Social (FIS), por meio de emenda parlamentar do deputado Paulo Duarte junto à Secretaria Estadual do Trabalho e Assistência Social do Governo do Estado, no valor de cerca de R$ 70 mil. Faz parte de uma ampla parceria com participação também da Prefeitura de Corumbá que, por meio do Fundo Municipal de Investimento Social, tem viabilizado inúmeras melhorias na instituição.

 

“Ao longo dos anos, como deputado, tenho procurado ser parceiro da Apae e agradeço a Deus pela oportunidade em ajudar de alguma forma esta instituição. Tenho certeza que o espaço vai permitir uma vida melhor para essas crianças, inserindo cada uma delas na sociedade com muito amor, carinho e respeito, que é tudo que elas mais querem”, comentou Paulo Duarte.

 

O secretário municipal de Assistência Social e Cidadania, Haroldo Ribeiro Cavassa, ressaltou a parceria que existe entre a instituição e a Prefeitura Municipal de Corumbá. “A Apae desenvolve um trabalho importantíssimo e há muito tempo vem sendo parceira conosco, complementando o nosso trabalho em levar assistência para essas pessoas com mobilidade reduzida”, disse.

 

“Nós – continuou – temos investimentos voltados para Apae, por meio do Fundo Municipal de Investimento Social, onde todos os projetos que são implementados, nós direcionamos para a Apae, para que haja maior atendimento para a comunidade e pessoas que necessitam dessa assistência”, comentou Haroldo.

 

Apae

 A Apae é uma entidade filantrópica, sem fins lucrativos e com o objetivo primordial de promover a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência intelectual e múltipla, buscando assegura-lhes o pleno exercício da cidadania e fazendo valer os dispositivos legais que apóiam a inclusão ampla e irrestrita destes alunos nos diferentes segmentos sociais e educacionais.