Corumbá já prepara campanha de vacinação contra paralisia infantil

A Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Corumbá iniciou preparativos para a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite 2012, etapa única, que acontece no período de 16 de junho a 06 de julho. Serão vacinadas crianças menores de cinco anos de idade e a meta, no Brasil, é imunizar 13.440.722, 95% da população infantil que é de 14.148.182. Em Corumbá, a expectativa é vacinar mais de 9,2 mil crianças nesta faixa etária.

 

O dia de combate à poliomielite será em 16 de junho e a Secretaria de Saúde trabalha com a possibilidade de dispor à população, um total de 16 pontos de vacinação, seguindo exemplo do ocorrido em 2011. De acordo com o responsável pelo núcleo de imunização da Prefeitura, enfermeiro Wangley Bento de Campos, uma equipe móvel vai trabalhar no dia para levar doses da vacina até o Presídio Feminino.

 

Já as crianças que estiverem internadas em hospitais ou clínicas neste dia, somente receberão a vacina após a alta, para evitar possíveis eventos adversos, já que a única contra-indicação é para crianças que estiverem com febre ou hospitalizadas.

 

A Secretaria de Saúde planeja também o trabalho de imunização na zona rural. Nos assentamentos, uma equipe volante da Estratégia de Saúde da Família vai levar a imunização. O mesmo será realizado com os ribeirinhos, que serão atendidos por meio do programa social Povo das Águas. Na Aldeia Uberaba, dos índios Guatós, a Prefeitura está adotando estratégia especial.

 

A campanha é voltada para crianças com até 4 anos, 11 meses e 29 dias. Todas devem tomar as duas gotinhas da vacina Sabin para prevenir a paralisia infantil. A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave. Na maioria das vezes, a criança não morre quando é infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia, principalmente nos membros inferiores. A doença é causada e transmitida por um vírus (o poliovírus) e a infecção se dá principalmente por via oral.