Avenida General Rondon ganha mudas de palmeiras imperiais

Um dos principais cartões postais da cidade, a Avenida General Rondon está recebendo novas mudas de palmeiras imperiais. O plantio começou nesta terça-feira (27), após um trabalho de preparação do solo, retirada das condenadas e outras ainda de pequeno porte, que foram enviadas para o viveiro municipal, para tratamento adequado até atingir tamanho ideal para plantio. O trabalho está sendo desenvolvido pela Fundação de Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário (Funterra) e faz parte do projeto Corumbá mais Verde desenvolvido pela Prefeitura de Corumbá.

O trabalho foi iniciado na semana passada com a preparação do solo. Todos os canteiros que estavam vazios ou mesmo com Palmeiras de pequeno porte, foram tratados para receber as novas mudas. As condenadas também foram retiradas. A diretora-presidente da Funterra, Luciene Deová, informou que serão plantadas 45 mudas, todas com mais de seis metros de altura, com auxílio de um caminhão munck.

Luciene comentou que o plantio destas novas mudas integra um dos três subprojetos do Corumbá mais Verde, Palmeiras Imperiais. Além dele, os outros dois são Mancha dos Flamboyants e Arborização Urbana, que também estão sendo retomados pela Fundação. "A Palmeira Imperial faz parte da Avenida General Rondon. Estamos fazendo o replantio justamente para conservar a característica da nossa principal avenida", destacou, para lembrar que o Centro de Convenções do Pantanal também receberá novas mudas desta espécie.

O trabalho está sendo acompanhado pela equipe do setor de Arborização Urbana da Funterra. Ana Claudia Boabaid explica que o plantio é necessário para repor exemplares que apresentavam comprometimento fitosanitário, devido principalmente à ação do Tempo, ou mesmo de mudas plantadas anteriormente que não vingaram ou foram depredadas por vândalos. "Por isso estamos plantando mudas maiores, com mais de seis metros, para evitar que sejam depredadas", explicou.

Área urbana

Luciene Deová informou que toda a área urbana de Corumbá será atendida pelo projeto Corumbá mais Verde. Segundo ela, 3.045 mudas de árvores nativas serão plantadas na cidade. São as mais variadas espécies, inclusive Palmeira Imperial. Todas estão no viveiro da Prefeitura, no Paço Municipal, junto com outras 36.000 mudas de plantas ornamentais, e 4.412 metros quadrados de grama esmeralda.

O programa foi idealizado pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) em sua primeira gestão, com o firme propósito de resolver um dos graves problemas da cidade, a falta de arborização urbana. Luciene destaca que, além das árvores nativas, a Prefeitura prepara plantio de mudas de plantas ornamentais nas rotatórias, canteiros e praças públicas da cidade. O serviço será executado por uma empresa contratada pelo Município, que será responsável também pelo plantio das arvores nativas.

As mudas de árvores nativas já estão todas no viveiro municipal, inclusive com o respectivo atestado fitossanitário. São 150 unidades de Jacarandá, 450 de Pata de Vaca, 100 Flamboyant, 150 Sibipiruna, 100 de Pau Brasil, 350 de Ipê Roxo, 350 de Ipê Branco, 350 de Ipê Amarelo, 150 de Jatobá, 350 de Oiti, 150 de Pequizeiro, além de 45 mudas de Palmeira Imperial e 350 de Munguba. A diretora da Funterra explica que são mudas já prontas para o plantio, com 1,60m de altura, exceto a Palmeira Imperial, todas com uma média de seis metros.