Prefeitura quer concluir reassentamento no Casa Nova até dia 19

A Prefeitura de Corumbá está trabalhando para concluir o reassentamento das famílias na quadra 26 do PAC Casa Nova até o dia 19 de dezembro, início da próxima semana. Os trabalhos estão sendo coordenados pela equipe técnica social da Subsecretaria de Habitação e Regularização Fundiária, ligada à pasta da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Habitação e Serviços Urbanos. Hoje, estão sendo reassentadas as famílias que residiam em moradias localizadas nas áreas de riscos que foram interditadas pela Defesa Civil.

As novas famílias estão sendo reassentadas no local desde a última quinta-feira. São antigos moradores da localidade conhecida como Lar para todos, no Loteamento Pantanal, em total situação de vulnerabilidade social, bem como nas encostas (morrarias), regiões consideradas de riscos. A ocupação somente está sendo possível a partir de um acordo firmado pela Prefeitura com a Sanesul, visando instalação de redes domiciliares de água e esgoto. O Movimento Nacional de Luta pela Moradia também participou do processo.

As primeiras famílias que ocuparam a quadra 26 do conjunto foram justamente aquelas que não necessitavam de veículo para transportar a mudança. "Agora, a própria Prefeitura está disponibilizando transporte para reassentar outras famílias", afirmou a coordenadora da equipe, assistente social Luciane Andreatta de Castro. Após isto, a Prefeitura vai aguardar o término das obras de ampliação dos sistemas de abastecimento de água e de esgoto sanitário, para reassentar as demais famílias no novo conjunto, a previsão é que isto ocorra a partir de fevereiro de 2012.

Esta é a segunda etapa do processo no PAC Casa Nova. No final de 2010 e início de 2011, a Prefeitura reassentou 274 famílias no conjunto dotado de 800 unidades, além de equipamentos urbanos como praça de esportes e lazer, Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), ambos já concluídos; um Centro de Educação Infantil (em fase de construção), uma unidade básica de saúde (obra prestes a iniciar), além de rede de drenagem, asfalto, energia elétrica, rede de telefonia, água e esgoto.

O conjunto é fruto de uma parceria entre a Prefeitura e o Governo Federal, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). No local os investimentos somam R$ 28.525.000, sendo R$ 24.246.250,00 da União e R$ 4.278.750 de contrapartida do Município. Fora do projeto do PAC Casa Nova, mas também em parceria com o Governo Federal, a Prefeitura implanta uma Unidade de Pronto Atendimento Médico 24 Horas (UPA 24 Horas), que vai atender não só os moradores do conjunto, mas de toda a região da parte alta da cidade.