Catadores de recicláveis ganham kits arrecadados em campanha

Setenta e dois catadores de materiais recicláveis receberam nesta quinta-feira (22) os kits natalinos arrecadados durante a campanha "Adote um catador neste Natal", realizada pela Prefeitura de Corumbá, por meio da Fundação de Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário e a Secretaria Especial de Integração das Políticas Sociais. Todas os membros cadastrados pelas duas associações que trabalham no lixão municipal foram beneficiados pela iniciativa.

Margarido de Moraes, de 67 anos, foi o primeiro a receber a cesta. Casado com dona Glei, também catadora, os dois vivem com um filho e um neto em uma pequena casa no bairro Guanã III. A renda mensal da família gira em torno de R$ 160 por mês, o que não permitiria ao casal comprar uma cesta repleta de doces, panetones, refrigerante e outros itens típicos desta época do ano. "É uma grande alegria receber esta ajuda", disse Margarido.

"Nosso Natal vai ser bem mais alegre graças a essa ajuda que estamos recebendo aqui", continuou o catador, há trinta anos trabalhando no local. "Aqui a gente cata lata, plástico, garrafa, papelão e tudo mais que pode ser reciclado. Não é fácil, mas é assim que nós tiramos nosso sustento", explicou o senhor. Outra beneficiada foi Juliana de Araújo, de 22 anos. Ela começou a trabalhar no lixão cerca de quatro meses atrás, logo depois que a filha mais nova nasceu.

"Meu marido já está aqui há alguns anos, uns sete ou oito anos mais ou menos. Quando fiquei gravida parei de estudar e, logo depois que minha filha nasceu, vim trabalhar aqui com ele", contou. Mãe de quatro filhos, ela disse também que pretende voltar para a sala de aula no ano que vem. "Meus filhos vão adorar esse kit. Com certeza vamos ter um Natal mais alegre", afirmou.

Ao longo de todo ano, a Prefeitura realiza diversas ações junto aos catadores, principalmente em relação a educação ambiental. No início do próximo ano, entra em processo de licitação o projeto de instalação de duas prensas para compactação dos materiais recicláveis e a construção de um galpão para guardar os produtos antes da venda. "A verba para este projeto são da Fundação Nacional de Saúde (Funasa)", explicou Luciene Deová, diretora-presidente da Funterra.

O diretor-presidente da Fundação de Cultura e Turismo do Pantanal, Rodolfo Assef Vieira, participou da entrega dos kits. "Várias pessoas contribuíram com a campanha. Com a parceria do supermercado Panoff conseguimos trazer este presente de Natal aos catadores da cidade", concluiu a bióloga Fátima Seher, da Fundação de Meio Ambiente, uma das coordenadoras da ação.