Liga de Corumbá é campeã Estadual de Futsal Categoria Infantil

Coordenada pela Prefeitura Municipal, por meio da Fundação de Esportes e Corumbá (Funec), a Liga de Corumbá conquistou no último sábado (26) o título do Campeonato Estadual Infantil Masculino de Futsal. Na decisão, o time corumbaense derrotou o Maracaju por 2 a 1. A equipe comandada pelo técnico João Roberto venceu os cinco jogos que fez na competição, com direito a goleadas sobre o CDA (5 a 0) e duas em cima do ABC (6 a 1 na primeira fase e 5 a 0 na semifinal).

Como título, a Liga de Corumbá ganhou o direito de ser o representante oficial do Estado nas competições nacionais em que a Federação de Futsal de Mato Grosso do Sul (FFMS) tiver direito, ou for convidada a participar em 2012, na categoria. Ainda no sábado, quando retornaram para o município, os meninos desfilaram pela cidade no caminhão dos Bombeiros e foram até o estádio Arthur Marinho, onde acontecia a final do Campeonato Amador.

A final

Depois de passar fácil pela semifinal, a Liga de Corumbá fez um jogo muito difícil contra o Maracaju. Os dois times já haviam se enfrentado na primeira fase, quando o representante pantaneiro levou a melhor e venceu por 2 a 0. Como em qualquer decisão de campeonato, o nervosismo ditou quase que totalmente o ritmo de um jogo. A cautela seria a única alternativa de tranquilidade a se buscar dentro das quatro linhas, tanto que viu-se pouquíssimas chances claras de gol na primeira etapa.

A Liga Corumbá demonstrou mais segurança de sair jogando com inteligência, sem amolecer na defesa nos avanços de Maracaju. Nesse vai e vem de estudo mútuo, que durou quase 11 minutos, finalmente numa brecha dada por Maracaju, Jean Carlos abriu o placar para Corumbá aos 10'28. E terminou assim a primeira etapa se encerrou. Na segunda etapa, o Maracaju voltou mais aceso ao jogo, e num ataque avassalador de passes rápidos, com apenas 35 segundos o empate veio a tona com o gol de Rhicieri.

A partir daí o jogo ficou completamente aberto, com contra-ataques perigosos de ambas equipes. Mas com toda a garra de vencer, enfim, em um detalhe do destino, a Liga de Corumbá faz o gol da vitória aos 9'30. O goleiro menos do Estadual foi Ricardo Luiz, da Liga de Corumbá. Luiz Carlos, de Sonora, fez cinco e foi o artilheiro. Pela Liga, Jean Carlos, Zé Ricardo e Henrique Dib marcaram quatro gols cada um. João Vitor fez outros três e Alex mais dois.

Na decisão entraram em quadra: Alex, Thiago, Wanderson, Elton, Matheus, Jean, José Ricardo, João Victor, Henrique, Ricardo, Leonardo e Maxcyel pela Liga Corumbá. João Roberto de Freitas foi o técnico e Edvaldo Arruda Hurtado o auxiliar. O Maracaju jogou com Gustavo Ibarra, Edmar, Ewerton, Gabriel, Gustavo Fantuci, Guilherme, Donato, Reidner, Rhicieri e Talison e o técnico Jaffeson de Souza Ibarra. A arbitragem dos jogos foi de Luiz Nunes Davila, Antonio Flávio Alves, Rodrigo A. Mendonça, Clemente S. Machado.