Dançarinos fazem os últimos ajustes para o Corumbá em Dança

Os alunos da Oficina de Dança do Pantanal estão em ritmo intenso de trabalho para que tudo esteja perfeito para o espetáculo "Corumbá em Dança", realizado pela instituição juntamente com a Fundação de Cultura e Turismo do Pantanal nos dias 12, 13 e 14 de novembro, na praça Generoso Ponce. Coreógrafos e dançarinos ajustam os últimos detalhes das coreografias que serão apresentadas durante os três dias de evento que integra a Semana Sabor e Arte, quando acontecerá também o Festival Gastronômico 2011 – Sabores do Pantanal e o Concerto de Santa Cecília.

Na segunda e terça-feira (08) o diretor e coreógrafo da Cia Dançurbana, Marcos Mattos, esteve na cidade onde participou de ensaios com os integrantes das apresentações de Hip-Hop. "O trabalho começou em março, quando foram montadas as coreografias. Estamos trabalhando agora com o posicionamento, a limpeza nos movimentos e expressão facial dos dançarinos para que possam estar prontos para a apresentação", explicou. Os 23 alunos irão dançar as coreografias The Movie, Hard Beat e My Soul na praça Generoso Ponce. Na próxima quinta (10), o coreógrafo Chico Neller estará na cidade para auxiliar na finalização de outras modalidades de dança.

De acordo com um dos diretores do evento, José Gilberto Rozisca, a instituição que lida com a arte do movimento está se preparando para realizar o Corumbá em Dança, mas também acolher as companhias que estarão na cidade. "Estamos na reta final dos preparativos para mostrar o nosso trabalho para toda a cidade, além de acolher os convidados. A Oficina de Dança é o carro-chefe das apresentações, além de ser a anfitriã", disse. No ano passado, o evento ocorreu no anfiteatro Salomão Baruki, mas mudou de local para proporcionar mais conforto aos expectadores e mais espaço para os movimentos dos dançarinos. Serão disponibilizados dois mil lugares nas arquibancadas e cadeiras para abrigar o público. ´

"Queremos mostrar para toda a cidade que Corumbá tem muitos talentos para a dança", disse José Gilberto. Em sua segunda edição, evento vai apresentar 11 coreografias de alunos da Oficina de Dança, além de contar com 13 grupos ou companhias convidados de Dourados, Coxim, Campo Grande, Ladário e também da Cidade Branca. Serão 48 coreografias apresentadas em três dias de evento em uma grande estrutura montada na praça Generoso Ponce e com entrada gratuita. Nas três noites, as apresentações começam a partir das 19h30. No dia 15, será a vez da apresentação do Concerto de Santa Cecília, pela Banda Municipal Manoel Florêncio, no mesmo local.

Ansiedade

Além de mostrar para a população corumbaense os trabalhos realizados na Oficina de Dança do Pantanal, que é coordenada pelo coreógrafo Joílson Cruz, o Corumbá em Dança também é uma porta de entrada para que mais jovens se interessem pela instituição. Este foi o caso de Jocimar Junior Nunes Duarte, de 17 anos. "Sempre gostei de dançar e ao ver o espetáculo em anos anteriores fiquei com vontade de participar", disse. Jocimar irá se apresentar pela primeira vez em um palco. O jovem não consegue esconder a ansiedade. "Como sou novato tem aquela preocupação, pois é uma experiência totalmente nova. Nunca dancei para uma plateia tão grande", disse. O sentimento é compartilhado pelo colega de coreografia, Glayson Duarte, de 16 anos. "Apesar de ansioso estou ensaiando para fazer uma boa apresentação", comentou ao lembrar que também vai estrear nos palcos no Corumbá em Dança.

Confira a programação completa do evento Corumbá em Dança