Viaduto da Rua 13 de Junho ganha sistema de iluminação pública

Inaugurado em 21 de setembro, data em que Corumbá comemorou 233 anos de fundação, o viaduto da Rua 13 de Junho está recebendo sistema de iluminação pública. O serviço já estava previsto no projeto e está sendo executado agora, após a chegada do material adquirido pela Prefeitura Municipal. Serão dez postes (cinco de cada lado) com luminárias de alto rendimento, o que há de mais moderno em termos de iluminação pública, totalizando potência de 2.500 watts.

No momento, a empresa responsável pelos serviços, está implantando os postes, todos de ferro. A previsão é que até quarta-feira (19), esta etapa esteja concluída. O secretário de Infraestrutura, Habitação e Serviços Urbanos, engenheiro Ricardo Ametlla, informou que, para cumprimento de mais etapa do projeto do viaduto, foi necessário refazer todo sistema de fiação, com instalação de novo material, "devido ao furto que ocorreu no local", explicou.

Para evitar novos atos de vandalismo, toda a fiação foi embutida e as caixas de saída foram lacradas, sistemas idênticos aos realizados na Praça da Independência e na praça de esportes do Guató, junto ao conjunto habitacional do PAC – Casa Nova, locais que também sofreram ações de vândalos, com furtos de fiação. "Com a conclusão desse serviço, a Prefeitura estará dotando o local de maior segurança, não só para os moradores das imediações, mas também para quem transita, especialmente pedestres", adiantou Ametlla.

O viaduto já se tornou uma nova opção de tráfego na cidade, desafogando a Rua Dom Aquino. Além do sistema de iluminação, a Prefeitura planeja as últimas intervenções, como no setor de drenagem, nas cabeceiras, além da implantação de uma nova camada de asfalto tipo Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ).

O viaduto

O viaduto, de concreto armado, conta com 90 metros de extensão por 12 de largura, além de passeios para pedestres nos dois lados, inclusive um com acessibilidade, para atender portadores de deficiência, além de outros equipamentos de segurança. Os investimentos somam R$ 2.979.271, recursos próprios da Prefeitura e oriundos do Governo Federal, viabilizados pelo deputado Paulo Duarte junto ao ministro Paulo Bernardo, do Planejamento, na época do presidente Lula, e de Comunicações hoje, com a presidenta Dilma Rousseff.

A obra foi definida pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT), como primordial para melhorar o sistema viário da cidade, desafogando o tráfego da Rua Dom Aquino, até então, principal via de ligação à Bolívia, bem como aos bairros localizados na região oeste da cidade. Para ele, em termos de engenharia, é a maior obra já realizada na área urbana de Corumbá e que "permite a ligação de bairros localizados na região oeste com o centro da cidade, trazendo maior conforto para a população. É um grande benefício para a malha viária urbana", comentou na época em que entregou o benefício à população.