Prefeitura valoriza e homenageia professores da Reme de Corumbá

Na data em que se comemora o Dia dos Professores os profissionais da Educação da Prefeitura de Corumbá podem contabilizar avanços nas condições de trabalhos e podem refletir sobre a importância deles na busca de uma sociedade mais justa e igualitária. Neste sábado, 15 de outubro, é dia de celebrar esta importante profissão e que recebe atenção especial da administração do prefeito Ruiter Cunha de Oliveira que durante os últimos sete anos já conquistou várias melhorias para a categoria.

Entre elas, está a valorização desses profissionais, sendo que um deles inclusive dá nome a uma escola municipal, como é o caso da unidade recém inaugurada, a Djalma de Sampaio Brasil. O prédio homenageia um educador que atuou como professor de inglês, espanhol e francês em Corumbá. "Uma pessoa dedicada, comprometida com a educação e que mostrou isso durante todo seu tempo de vida. Foram 50 anos em prol da educação em nossa querida cidade. É, sem dúvida, uma pessoa que merece ser homenageada. Dentro de sua simplicidade, sempre buscou resgatar, defendeu e levantou a bandeira do ensino", destacou o chefe do Executivo corumbaense.

Em sintonia aos anseios da população brasileira, que busca a transformação social por meio da educação, a Prefeitura de Corumbá também não mede esforços para investir na carreira da figura central desse processo. O Município busca constantemente proporcionar a valorização dos 957 professores da Reme que levam conhecimentos a crianças, jovens e adultos. "Temos o dever e, principalmente, a obrigação de incentivar. Para isso, investimos de forma planejada, dando prioridade o que mais importa, a começar pela capacitação continuada dos professores, uma iniciativa que valoriza o profissional e qualifica o ensino na rede pública do nosso Município", comentou Ruiter.

Aprovada pela Câmara de Vereadores em junho deste ano, a Lei Complementar nº. 143 estabeleceu a nova política de reajuste salarial da Prefeitura de Corumbá. A partir daquela data, os professores passaram a ganhar entre R$ 1.408 e R$ 5.683,90 por 20 horas/aula. Os valores variam de acordo com o nível de qualificação e tempo de serviço do profissional, seguindo a lógica de quem se capacita mais, ganha mais. Os salários dos professores da Reme ultrapassam inclusive vencimentos dos profissionais do Estado e de escolas privadas de Corumbá.

Diversas formações continuadas, cujo objetivo é aprimorar o envolvimento do profissional na rotina escolar e acompanhamento dos projetos pedagógicos realizados em sala de aula, são oferecidas pela Secretaria Municipal de Educação. "O professor precisa constantemente ser preparado e atualizado para o momento que vivemos. Ele deve instigar os alunos para as pesquisas, para a busca do conhecimento. Este é o grande desafio deste profissional", observou o secretário de Educação, Hélio de Lima.

Para o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinted) de Corumbá, Luizio Espinoza, os investimentos feitos pelo Município mostram que as reivindicações da categoria estão sendo atendidas. "Os professores da Rede Municipal de Ensino de Corumbá possuem o 2º maior salário de Mato Grosso do Sul. Agora, nossa luta é para que o piso salarial e que 33% da carga horária seja destinado para hora-atividade sejam conquistados em âmbito nacional", observou.