Padilha havia sinalizado positivamente sobre o credenciamento

O credenciamento do Centro de Oncologia Dr. Hugo Costa, que resultou na habilitação do Hospital de Caridade de Corumbá como Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (UNACON), já era aguardado pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT), principalmente após audiência com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, ocorrida no dia 19 de julho. Na ocasião, Padilha já havia sinalizado positivamente em relação ao credenciamento, uma das reivindicações feitas pelo prefeito, concretizada com a portaria nº. 652, assinada pelo secretário de Atenção à Saúde, Helvécio Miranda Magalhães Júnior, e publicada na edição desta quinta-feira (13) no Diário Oficial da União.

No encontro de julho, o ministro expressou o desejo de tornar Corumbá uma referência no modelo de gestão de saúde pública. "Posso confirmar que o Ministério estará junto com Corumbá. Vamos começar a detalhar os projetos e resolver todas as pendências que possam existir no encaminhamento deles, para que possamos ajudar ainda mais Corumbá a continuar mudando e cuidando da saúde de sua população. Para nós, Corumbá pode ser uma grande referência não só em Mato Grosso do Sul, mas de como fazer saúde de qualidade em todo pantanal brasileiro", afirmou.

Além do credenciamento do Centro de Oncologia, Ruiter reivindicou aquisição de mais equipamentos para o Hospital de Corumbá; a implantação do Centro de Hemodinâmica, Centro de Imagem, Tomografia e Ressonância Magnética; a realização de cirurgias cardiovasculares; instalação de aparelhos de telemedicina, digitalização do raio-X em todas as unidades básicas da saúde da cidade e do Pronto-Socorro Municipal; e a aquisição de uma unidade básica de saúde fluvial para atender aos ribeirinhos do Pantanal, por meio do Programa Social Povo das Águas.

"Estamos saindo daqui (reunião) com um propósito muito claro de apoiar o Município nas ações que envolvem o Hospital de Corumbá, seja na urgência, emergência ou no Centro de Oncologia. Nós temos todo o interesse de levar ao interior do País a assistência dos exames de colo de útero e mama para toda a população e achamos que a parceria com as prefeituras será decisiva para isso", complementou Padilha, logo após a reunião com Ruiter, da qual também participou o secretário municipal de Saúde, Lauther da Silva Serra.

O otimismo do prefeito deveu-se ao fato de que o ministro havia recebido as reivindicações com preocupação e interesse e que, de todas as questões apresentadas, nenhuma fora descartada ou negada. Na época, Padilha já havia manifestado intenção de se empenhar para que o processo de credenciamento do Centro de Oncologia no Ministério da Saúde ocorresse o mais rápido possível, bem como a aquisição de mais equipamentos para o Hospital, com a implantação do Centro de Hemodinâmica, Centro de Imagens, Tomografia e Ressonância Magnética, além da realização de cirurgias cardiovasculares.